terça-feira, 6 de junho de 2017

DESTAQUE NEGATIVO >> RN foi destaque nos noticiários nacionais, em emissoras de rádio e de TV por tet o maior índice no país


Resultado de imagem para violência no rn

O Rio Grande do Norte foi destaque nos noticiários nacionais, em emissoras de rádio e de TV. Infelizmente, o assunto foi o aumento da violência, o maior índice no país. As taxas aumentaram 232%, sem que o governo mostre preocupação com fato tão alarmante.
INTERESSE
A secretária de Segurança, Sheila Freitas, como aconteceu com seus antecessores, tem procurado soluções para a crise, mas não existem recursos nessa área. Em São Paulo, a violência diminuiu por conta de vontade política do governador que investiu em segurança, aumentou o número de policiais e endureceu com os bandidos presos.

ISOLAMENTO
Amigos de Robinson Faria admitem que o governador prefere o isolamento político a uma ampla convivência com a classe no RN. Em termos federais, por exemplo, contaria somente com o apoio do filho, deputado federal Fábio Faria, e com nenhum dos três senadores.

REVITALIZAÇÃO
O governador Robinson manteve entendimentos com os diretores da Redepetro do RN, com o objetivo de revitalizar a cadeira produtiva de petróleo e gás. A ideia é identificar poços que a Petrobras não tem interesse para que sejam explorados por pequenos produtores privados.

DISPUTA
Dentro do PT há disputa de poder entre alas que trabalham em busca da vitória. Proclamados os resultados, todos se juntam em torno do mesmo objetivo político. Na eleição nacional para o diretório, a senadora Fátima votou em Lindbergh e o deputado mineiro ficou com Gleise Hoffmann.

ENTREGA
Em Natal, já está em vigor lei do vereador Paulinho Freire que determina a entrega domiciliar gratuita de medicamentos de uso contínuo aos idosos e pessoas com doenças crônicas. A secretaria da Saúde será responsável pelo cadastramento do usuário no Programa Remédio em Casa.

PACTUAÇÃO
O secretário de Saúde do Município, Benjamin Bento, mostra preocupação com a falta de pactuação dos serviços de saúde. Não são apenas habitantes de municípios do RN, mas também de outros estados que terminam provocando um déficit de R$ 8 milhões de reais.

ORÇAMENTO
Os parlamentares do Rio Grande do Norte aprovaram verbas no valor de R$ 385 milhões para o estado. Até o momento, somente R$ 500 mil foram empenhados. Pelas regras atuais, os recursos somente são disponibilizados somente se existir receita líquida do governo.

PAGAMENTOS
O conselheiros do Conselho Nacional do Ministério Público Fábio George Cruz da Nóbrega pediu a suspensão imediata das providências administrativas adotadas para o pagamento de indenizações de férias e licenças de servidores e membros do Ministério Público Estadual, onde 210 promotores receberão R$ 19 milhões em pagamentos extras.

TSE
O Tribunal Superior Eleitoral iniciará hoje o julgamento da Ação de Investigação Judicial Eleitoral com relatório pela suspensão dos direitos de Dilma Rousseff e cassação do mandato do presidente Temer. Haverá policiamento ostensivo no local para evitar manifestações.

REUNIÕES
O presidente do TSE, ministro Gilmar Mendes, atendeu ao pedido do relator, ministro Herman Benjamin, e realizará duas sessões ordinárias e duas extraordinárias durante esta semana. Há expectativa sobre o pedido de vistas por parte de algum ministro, o que se constitui em fato normal nas ações dos Tribunais Superiores.

CONFLITO
Na CCJ da Câmara dos Deputados um pedido para que o ministro Edson Fachin explique por que foi ao Congresso, antes de sua sabatina para a escolha de ministro do STF, acompanhado de Ricardo Saud, alto executivo da JBS, hoje beneficiário do acordo de delação premiada.

RIGOR
O ministro Edson Fachin tem pegado pesado com Michel Temer. Autorizou que Polícia Federal interrogasse o presidente que terá apenas 24 horas para responder às 84 perguntas elaboradas e entregues aos advogados de Temer.

SUSPEITA
O colunista Reinaldo Azevedo pergunta ao ministro Fachin se quando candidato ao STF jantou com Joesley Batista, em Brasília das 21h até 6h do dia seguinte. Nesse jantar, a presença do senador Renan Calheiros que resistia a sua candidatura.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

OBRIGADO POR ESTÁ AQUI. NESSE BLOG, BUSCAMOS PUBLICAR COMENTÁRIOS DEVIDAMENTE IDENTIFICADOS.