sábado, 28 de abril de 2018

A DEMOCRACIA EM RISCO! >> O fascismo avançando. Porém, resistiremos e venceremos!!!!

A imagem pode conter: 3 pessoas, noite
Duas pessoas são feridas em ataque contra acampamento Marisa Letícia.

Isso precisa ser denunciado. O Brasil está se tornando um país em que lideranças populares são covardemente atacadas e assassinadas simplesmente por lutarem por justiça.
Na madrugada de ontem (28), o acampamento Marisa Letícia, localizado na rua Padre João Wislinski, 260, no bairro Santa Cândida, Curitiba, onde dormem integrantes da vigília Lula Livre, foi atacado a tiros por volta das quatro horas da madrugada.
Duas pessoas foram feridas, uma delas está hospitalizada. Jeferson Lima de Menezes, de São Paulo, foi prontamente encaminhado ao hospital com um tiro no pescoço.
A autoria do ataque a tiros ainda não foi identificada até o momento. A polícia está fazendo os registros necessários.

PELA NECESSIDADE DE PRESERVAÇÃO >> 28 de abril é o Dia Nacional da Caatinga!

Nenhum texto alternativo automático disponível.
Caatinga é um bioma exclusivamente brasileiro que apresenta clima semiárido, vegetação com pouca folhas e adaptadas para os períodos de secas, além de grande biodiversidade.
Esse bioma é encontrado em áreas do Nordeste do Brasil, nos estados do Maranhão, Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe, Bahia e parte de Minas Gerais. Toda essa área abrange cerca de 844 mil km2, ou seja, 11% do território brasileiro.
O nome Caatinga significa, em tupi-guarani, "mata branca". Esse nome faz referência a cor predominante da vegetação durante a estação de seca, onde quase todas as plantas perdem as folhas para diminuir a transpiração e evitar a perda de água armazenada. No inverno, devido a ocorrência de chuva, as folhas verdes e as flores voltam a brotar.
Apesar de sua importância ecológica, calcula-se que 40 mil km2 da Caatinga já foram transformados em quase deserto, o que é explicado pelo corte da vegetação para servir como lenha e pelo manejo inadequado do solo.

sexta-feira, 27 de abril de 2018

HOJE EM LAJES >> Sessão Solene integra as atividades da Semana Alzira Soriano.


Resultado de imagem para alzira soriano

Dando continuidade a programação da Semana Alzira Soriano 2018, acontecerá no auditório do IFRN Campus Lajes, as 19:00 horas, uma Sessão Solene a ser realizada pela Câmara Municipal de Lajes, para homenagear algumas mulheres.

Essa Sessão Solene faz parte da Lei Municipal 502/2009, que institui a Semana Alzira Soriano e determina a realização de algumas atividades. 

É também uma forma de homenagear as mulheres que em Lajes sempre estiveram e estão em destaque nas mais diversas áreas.

Esse ano serão homenageadas 29 mulheres, como forma de relacionar esse número (29) a data de nascimento de Alzira Soriano.

CAMPANHA: SALVE AS ABELHAS >> Pois sem elas, toda nossa cadeia alimentar está ameaçada!

ASSINE AGORA
Em 48 horas, a União Europeia poderá BANIR TOTALMENTE os pesticidas que matam abelhas! 

França, Reino Unido, Alemanha e outros 9 países apoiam essa medida, mas precisamos convencer mais quatro países para vencermos a votação. 

Os Estados Unidos e a Europa estão assistindo as abelhas morrerem em uma velocidade aterrorizante. E, como elas polinizam nossas plantações, toda nossa cadeia alimentar está ameaçada! 

Porém, as grandes indústrias de químicos que vendem pesticidas estão fazendo lobby na União Europeia para atrasar essa medida. Assim, a comunidade da Avaaz em toda a Europa está freneticamente cobrando seus Ministros, veiculando anúncios e aumentando a pressão. 


Agora, precisamos tornar esta petição a maior petição pública de todos os tempos pelas abelhas. Junte-se agora com um clique e diga a todo mundo.
 

Estamos correndo contra o tempo. Cada assinatura conta -- assine agora com apenas um clique e compartilhe em todos os lugares. 
ASSINE AGORA

SOMANDO APOIOS >> Caramuru Paiva contará com apoio do ex-prefeito Francisco do PT



O engenheiro agrônomo Caramuru Paiva, pré-candidato a deputado federal, vem construindo importantes apoios em busca de uma vaga na Câmara Federal.

A mais recente declaração de apoio foi emitida pelo ex-prefeito de Parelhas/RN, Francisco do PT, que é pré-candidato a deputado estadual, em atividade recente, notícia que circula nos diversos meios de comunicação potiguar.

O apoio de Francisco do PT significa muito para o projeto traçado pelo engenheiro agrônomo Caramuru Paiva, que ganha força agora no Seridó podendo somara e atrair mais confiança popular.

Caramuru Paiva teve importante atuação no Grupo Canal Cultural em Campo Grande/RN, o que fez construir importantes laços dentro do setor cultural do Médio e Alto Oeste potiguar.

A LUTA PELA GARANTIA CIDADANIA >> Não é só no Dia do Índio que precisamos falar sobre a questão indígena


Não é só no Dia do Índio que precisamos falar sobre a questão indígena

Enquanto um milhão de brasileiros indígenas traçam estratégias de sobrevivência todos os dias, pouco sabemos sobre seus valores culturais e histórias.  Vamos avançar?

Entre a luta por territórios e a fuga de estereótipos, os povos indígenas enfrentam diariamente o desafios de resistência, preservação e reinvenção da própria cultura. Hoje, no Brasil, as estatísticas registram que cerca de 1 milhão de indígenas entre mais de 250 etnias diferentes ocupam 13,8% da nossa extensão territorial. O Dia do Índio, comemorado em 19 de abril, não é apenas mais uma data no calendário. Temos um longo caminho pelo direito à educação, saúde e representatividade da sociedade.

Questões indígenas em pauta

Há muito a aprender sobre as inúmeras histórias e complexidades que evolvem as questões indígenas. Na tentativa de esclarecer algumas delas, fizemos uma seleção de 10 livros (teóricos e interativos) com experiências etnográficas entre os povos, aldeias, suas tradições, manifestações culturais, lutas, que discutem genocídio, comercialização dos seus produtos, além do papel político da Fundação Nacional do Índio (Funai) na assistência da população. Conheça melhor as obras dedicadas ao conhecimento e à valorização da cultura indígena

Campanha arrecada materiais de construção para a Liga Mossoroense de Combate ao Câncer


A Liga Mossoroense de Estudos e Combate ao Câncer (LMECC) está realizando uma campanha para arrecadação de materiais para construção, reparos e parte elétrica. A Liga está solicitando doações junto às empresas do comércio Mossoroense que desejem contribuir para a entidade que possui fins filantrópicos e realiza um trabalho de atendimento de pacientes de Mossoró e região.
“Somos uma instituição filantrópica, então dependemos muito de doações para realizarmos e melhorarmos nossos serviços”, explicou Sérgio Catardo, diretor da LMECC. As empresas interessadas em contribuir com a campanha podem entrar em contato através do telefone 3223-7705 e falar com Geraldo Reinaldo, supervisor de manutenção da LMECC.
A LMECC
A Liga Mossoroense de Estudos e Combate ao Câncer (LMECC) tem por finalidade congregar pessoas físicas e jurídicas, com o propósito de promover o atendimento médico-hospitalar de urgência, prevenção, diagnóstico e tratamento, bem como demais atividades correlatas, em prol do combate ao câncer adulto e infanto juvenil.
A LMECC possui duas unidades. A primeira é o Hospital da Solidariedade, que fica localizado na Rua Dona Isaura, n° 70, Abolição III. A segunda está situada na Praça Cônego Estevam Dantas, n° 282, Santo Antônio, em frente a “praça dos hospitais”.

quinta-feira, 26 de abril de 2018

DIVULGANDO >> Iranete Cosméticos, a sua opção de perfumaria e beleza em Lajes!

Nenhum texto alternativo automático disponível.

Viste a lojinha Iranete Cosméticos e conheça as últimas novidades em perfumaria e produtos de beleza das seguintes marcas: O Boticário, Natura, e Eudora. Já temos em nosso estoque diversos kit's e também outras opções de presentes para o Dia das Mães. Estamos localizados na Rua Manoel Francisco dos Santos, 69 - Conjunto Alvorada.

Faça-nos uma visita e confira!

A imagem pode conter: área interna

A imagem pode conter: área interna

Nenhum texto alternativo automático disponível.   A imagem pode conter: área interna

AGENDE-SE >> Natal receberá Festival de Flores no próximo mês de maio

O próximo mês vai ser preenchido por cores e aromas com a chegada do ‘Fest Flores’ em Natal. De 10 a 13 de maio, no Hiper Bompreço, da Av. Eng. Roberto Freire, acontece exposição e venda de orquídeas, rosas do deserto e plantas ornamentais, com entrada gratuita e orientação de plantio.
Para os apaixonados por plantas ou aos que querem presentear, essa é uma boa oportunidade. São mais de cinco mil exemplares disponíveis para escolher e se encantar, com flores que variam entre R$ 20 a R$ 200 vindas do Orquidário Flores do Lago (MG), Rosas do Deserto – cultivadas em Macaíba (RN) e, a parte ornamental, do Vinagro Plantas Ornamentais (RN).

REGIME DE CHUVAS >> Quadro do abastecimento do Estado tem a melhor perspectiva dos últimos anos.


Resultado de imagem para Quadro do abastecimento do Estado tem a melhor perspectiva dos últimos anos unnamed_1.jpg
As chuvas do primeiro quadrimestre já transformaram paisagens e aumentaram o nível de alguns reservatórios potiguares. A perspectiva da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte é que o número de cidades em colapso, atualmente 14, reduza para duas.
Durante o mês de maio, o número de cidades em colapso deve reduzir ainda mais. No Alto Oeste, a previsão é retornar o abastecimento das seguintes cidades: Marcelino Vieira, Almino Afonso, Paraná, Rafael Fernandes, João Dias e Tenente Ananias. Já no Seridó, a cidade de Cruzeta. No Oeste potiguar outras duas cidades devem ter o fornecimento de água restabelecido: Patu e Messias Targino receberão água através da Adutora Médio Oeste.
Manutenção
Para restabelecer o fornecimento de água nestes municípios que estavam em colapso, a Caern tem trabalhado na manutenção dos sistemas, fazendo a remontagem de equipamentos, bem como, tem realizado sucessivas análises da água captada. Devido ao tempo paralisado de alguns sistemas estão ocorrendo vazamentos que são prontamente corrigidos pela empresa.
Economia
Este é um momento de comemorar, mas com ressalvas. Estamos em um período invernoso e a população precisa fazer sua parte, usando a água disponível com moderação, tendo o cuidado para evitar o desperdício nas atividades do dia a dia. Com a perspectiva de preservar a água, a Caern reativa todos estes sistemas que estavam em colapso com o sistema de rodízio.
Outras cidades
As cidades que ainda sem previsão de retorno do abastecimento são: Pilões e São Miguel, ambas no Alto Oeste.

EM BUSCA DE EXPLOSIVOS >> Operação Exército inicia fiscalização de explosivos e correlatos no Rio Grande do Norte

O Exército Brasileiro, por intermédio da 7ª RM (7ª Região Militar) realiza, a partir desta data, a Operação Rastilho IV. A atividade visa intensificar a fiscalização de explosivos e produtos correlatos em todo o Brasil. 
A operação funciona de forma interagências, com a participação de Polícia Civil, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Receita Estadual e Ibama.
A operação envolverá cerca de 60 militares do Exército atuando nos estados de Alagoas, Paraíba, Pernambuco e Rio Grande do Norte sob a coordenação do SFPC/7 (Serviço de Fiscalização de Produtos Controlados da 7ª Região Militar) para o controle da produção, armazenamento, comercialização, transporte, bem como da utilização de explosivos e produtos correlatos promovendo a dissuasão de criminosos que utilizam explosivos para práticas ilícitas.

CONVOCAÇÃO >> INSS convoca 152,2 mil beneficiários para perícia de revisão



O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) convocou 152,2 mil beneficiários que recebem auxílio-doença ou aposentadoria por invalidez para agendar a perícia de revisão. A lista com o nome dos convocados foi publicada no Diário Oficial da União.
Não é necessário ir às agências do INSS, a marcação deve ser feita por meio do telefone 135, até o dia 4 de maio. No total, foram convocados 33.875 que recebem auxílio-doença e 118.394 que recebem aposentadoria por invalidez.
Os beneficiários convocados no último dia 12, por edital não foram encontradas por alguma inconsistência no endereço ou não realizaram o agendamento no prazo determinado na convocação de março último, mesmo tendo recebido a carta. Quem não atender a convocação ou não comparecer na data agendada terá o benefício suspenso.
A partir da suspensão, o beneficiário tem até 60 dias para procurar o INSS e agendar a perícia. Se não procurar o INSS nesse prazo, o benefício será cancelado. Na data marcada para a realização da avaliação, o segurado deve levar a documentação médica que justifique o recebimento do benefício, como atestados, laudos, receitas e exames.
O objetivo do pente-fino do governo federal, iniciado em 2016, é fazer uma avaliação para verificar se essas pessoas ainda fazem jus ao benefício. Passarão pela revisão os beneficiários de auxílio-doença que estão há mais de dois anos sem passar por uma perícia médica e para os aposentados por invalidez com menos de 60 anos.
Convocação anterior
Em 23 de março, o INSS convocou 94 mil segurados para revisão do benefício. Para esses, o prazo para agendar a perícia termina amanhã (13).
Na segunda fase do pente-fino, iniciada em março, já foram realizadas 191.449 perícias, sendo 49.570 dos que recebem auxílio-doença e 141.879 dos que recebem aposentadoria por invalidez. Desse total, até 10 de abril, foram cancelados 36.970 benefícios por auxílio-doença e 43.009 por aposentadoria por invalidez.
De acordo com o Ministério do Desenvolvimento Social, ao todo, o processo o pente-fino nos benefícios inclui 552.998 auxílios-doença e 1.004.886 aposentadorias por invalidez a serem revisados. Na primeira fase, inciada em 2016, foram feitas 279.761 perícias de auxílios-doença e 10.073 de aposentadorias por invalidez.

quarta-feira, 25 de abril de 2018

COMPROMISSO COM A CIDADANIA >> O angicano Modesto Neto lança livro sobre desafios da construção democrática no Brasil

Nenhum texto alternativo automático disponível.
A Grama Editora (RJ) lançou nesta semana o livro “A democracia no Brasil: desafios da construção democrática” de autoria do amigo angicano Modesto Neto. Esta obra é o resultado de sua dissertação e quase três anos de estudos e pesquisas. 

O objetivo da trabalho é fazer um resgate das aberrações e do terror perpetrado pela ditadura militar (1964-2018), observar as transições democráticas no Brasil e na América Latina e apontar o atual estado de violações que passa a maioria social do nosso povo.
No Rio Grande do Norte o livro estará disponível na próxima semana na livraria Cooperativa Cultural da UFRN e na Saraiva (Natal Shopping e Midway Mall).

No Rio de Janeiro você já poderá adquirir o livro nas seguintes bancas: Books Livraria, Livraria Abrasco, Livraria Antonio Gramsci, Livraria Argumento, Livraria Consequência, Livraria Cultura, Livraria da Travessa, Livraria Editora UFRJ, Livraria Leonardo Da Vinci, Livraria Martins Fontes Paulista e Livraria UFF.


LANÇAMENTO NA UERN
O primeiro ato de lançamento ocorreu nesta terça-feira (24/abril) às 19h no Auditório da FAFIC na UERN em Mossoró (RN) onde participarei de uma mesa sobre os ataques a democracia no Brasil e a arbitraria prisão do ex-presidente Lula.

Na internet você poderá adquirir o livro no site da editora Gramma, na Amazon e Livraria Travessa. Abaixo os links:




Por Modesto Neto em sa página no Fecebook

O JUIZ NO BANCO DOS RÉUS >> CNJ inicia julgamento em que Sérgio Moro é acusado de violar a Constituição Federal


Responsável pela Operação Lava Jato, o juiz Sérgio Moro será julgado por eventuais crimes cometidos contra a Constituição Federal. A denúncia foi apresentada pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) há dois anos, no entanto, o julgamento começou nesta terça-feira (24).
O caso investigado será o vazamento de áudios de um diálogo entre o ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva com a também ex-presidente, Dilma Roussef, quando a então presidente indicou Lula para a Casa Civil. Os áudios foram vazados em 16 de março de 2016.
A divulgação é considerada ilegal por envolver a Presidência da República. Também a própria gravação é considerada ilegal, uma vez que a Polícia Federal continuou a gravação mesmo depois de Moro ordenar a interrupção dos grampos.
A denúncia foi enviada ao CNJ pela liderança do Partido dos Trabalhadores (PT) na Câmara. Na denúncia o juiz é acusado de ‘interceptação telefônica de uma presidente da República, de Ministros de Estado e de Senadores da República’, essas ações são de competência do Supremo Tribunal Federal. A Denúncia ainda afirma que o juiz cometeu os crimes de ‘tornar publico o conteúdo dessas gravações sem autorização judicial e com objetivos não autorizados em lei’, e por violar o sigilo profissional na comunicação entre advogados e clientes.
Ainda assinam o texto da denúncia os deputados Wadih Damous (PT-RJ), Afonso Florence (PT-BA), Henrique Fontana (PT-RS), Paulo Teixeira (PT- SP), Jandira Feghali (PCdoB-RJ) e Rubens Pereira Júnior (PCdoB-MA).
*Com informações do Congresso em Foco

SEGURANÇA E QUALIDADE COMPROMETIDAS >> Ipem reprova 33% dos tijolos analisados em fiscalização no RN



Nessa segunda-feira (23), foi emitido pelo Instituto de Pesos e Medidas (Ipem/RN) o relatório conclusivo da Operação Casa Forte. Em caráter nacional, a ação verifica se blocos cerâmicos de vedação, conhecidos popularmente como tijolos de oito furos, estão em conformidade com a Portaria 558/2013 do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro).

Durante uma semana foram realizadas dez ações de fiscalização em pontos de venda e indústrias cerâmicas da capital e região metropolitana. Do total de tijolos avaliados, mais de 33% apresentavam irregularidades, dentre elas a ausência de informações como CNPJ do fabricante, lote e data de fabricação do produto, além de inadequações nas dimensões.

Os resultados encontrados comprometem a qualidade e a segurança na utilização do material, tornando a venda proibida. Por medida preventiva, todos os blocos cerâmicos irregulares foram recolhidos para posterior destruição.

“Após ser notificado, o fabricante ou lojista pode apresentar defesa e recorrer junto ao setor jurídico do Ipem em um prazo de 10 dias”, explicou o coordenador de Operações do Ipem, Marcos César de Oliveira.

A regulamentação do Inmetro estabelece as condições para a comercialização de componentes cerâmicos para alvenaria, assim como a metodologia para a determinação da dimensão. Isso se aplica a blocos, tijolos maciços e perfurados e outros produtos cerâmicos, que devem trazer informações técnicas em uma de suas faces externas, em baixo relevo ou reentrância.

Para o caso de denúncias ou esclarecimentos, a Ouvidoria do Ipem está à disposição e pode ser acionada pelo número 0800-281-4054 ou ainda através do e-mail ouvidoria-ipem@rn.gov.br.

Com informações da assessoria

terça-feira, 24 de abril de 2018

NOTA DE SOLIDARIEDADE À COMUNA URBANA DO MST EM MOSSORÓ/RN, ATACADA POR JAGUNÇOS NA MADRUGADA DE 24/04



Resultado de imagem para jagunços atacam trabalhadores rurais
Nesta madrugada do dia 24 de abril, por volta das 3 horas, em Mossoró/RN, a Comuna Urbana organizada pelo Movimento de Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais Sem Terra foi atacada com tiros, por um grupo de jagunços. O atentado atingiu um acampado e há outro desaparecido.
A ocupação foi iniciada no dia 22 de abril, por cerca de 150 famílias, com o objetivo de reivindicar os direitos de acesso à terra e à moradia e denunciar o descumprimento da Constituição pelos entes estatais. Está localizada à margem da BR 304, ao lado da Cerâmica Porcelanati, e se dá sobre uma área pública que não cumpre sua função social. Mesmo assim, sujeitos privados tomaram a frente de ações arbitrárias de intimidação dos/as acampados/as, até chegarem ao grave atentado da madrugada.

As entidades e grupos abaixo assinados se solidarizam com as famílias que sofreram essa truculência e, mais uma vez, vêm a público denunciar a violência praticada contra os movimentos sociais populares e exigir das autoridades de todas as esferas que tomem as medidas adequadas nesta situação, não apenas investigando os responsáveis pelo atentado criminoso contra as famílias indefesas, mas também ouvindo as demandas apresentadas pelo movimento, que luta pela concretização de direitos sociais constitucionalmente garantidos.

Para o MST, esses ataques fazem parte do avanço da violência, aprofundado pela ruptura democrática, em razão da área ser alvo da especulação imobiliária. O movimento está articulando as organizações em defesa dos direitos humanos e as autoridades competentes para assegurar as famílias.

Mossoró, 24 de abril de 2018.

EDUCAÇÃO >> Concurso de redação propõe reflexão sobre a origem do Brasil



Com a proposta de despertar o conhecimento cultural do Rio Grande do Norte e de estimular o sentimento de pertencimento ao território potiguar nos estudantes do estado, o Governo do RN, por meio de uma parceria entre as secretarias estaduais de Educação (SEEC) e de Turismo (Setur), lançou nesta segunda-feira, 23, o edital do “Tudo Começa Aqui – I Concurso de Redação das Escolas do RN”. Nesta primeira edição o tema central será “O Brasil nasceu aqui?”.
“Durante muitos anos esse conhecimento sobre o descobrimento do Brasil a partir do Rio Grande do Norte não teve a importância devida. Agora estamos resgatando isso e fazendo com que os próprios potiguares se apropriem dessa ideia, a de que o país possa ter começado por aqui. E nada melhor do que contar com a participação dos nossos alunos, que estão estudando o assunto em sala de aula. A iniciativa vai elevar a autoestima dos estudantes e abrir espaço para uma reflexão sobre o tema”, destacou o governador Robinson Faria.
A secretária de Educação do RN, Cláudia Santa Rosa, reforçou um ponto forte do concurso: a interdisciplinaridade. “Professores de língua portuguesa, história e geografia, por exemplo, podem promover rodas de debates e trazer mais informações sobre o tema aos alunos. Isso vai proporcionar ao estudante um leque maior de justificativas que irão embasar seu ponto de vista”, comentou Santa Rosa.
Manoel Gaspar, novo titular da Setur, apontou que a iniciativa é mais uma ação do governo voltada para o fortalecimento da identidade do potiguar quanto a suas origens. “A campanha é mais uma ação que o Estado faz para resgatar ideia de que o Brasil foi descoberto aqui. Isso tem um link muito forte com a campanha de marketing que estamos fazendo”, disse, em referência à campanha “Tudo Começa Aqui”, lançada pela Setur em março deste ano.
O público-alvo do concurso são alunos das redes de ensino pública e privada, que será dividido em duas categorias: uma voltada para o ensino médio e outra para os anos finais do ensino fundamental. Para se inscrever o professor orientador ou coordenador pedagógico da escola deve preencher um formulário até o dia 15 de junho, disponibilizado eletronicamente no site https://sigeduc.rn.gov.br e anexar a redação selecionada pela escola mediante comissão de avaliação.
O concurso vai ocorrer em duas fases. A primeira, no âmbito da escola, na qual serão selecionadas duas redações. Na segunda fase, que ocorre no âmbito da SEEC, uma comissão de avaliação, composta por professores especialistas representantes das redes de ensino municipal, estadual, federal e privada, avaliam diversos itens como estrutura textual e abordagem criativa e textual da temática.
Os estudantes e professores orientadores que vencerem a competição serão premiados com uma comenda de honra ao mérito para 1ª, 2ª e 3ª colocações de cada etapa de ensino, uma viagem pelos principais pontos turísticos e históricos do RN, além da publicação de um e-book com as redações dos dez primeiros colocados de cada etapa de ensino. A solenidade de premiação vai acontecer no dia 7 de agosto de 2018, data em que se comemora o dia do Rio Grande do Norte.
Para acessar o edital, clique aqui.

ACESSO A ÁGUA E PRODUÇÃO ALIMENTAR >> Fortalecer a produção e garantir segurança alimentar são metas de nova etapa do P1+2


Equipe do Seapac, na capacitação das equipes técnicas que executarão o novo P1+2 no RN (Foto cedida)

Acesso à água, assistência técnica e fortalecimento da produção de alimentos. Estas são ações que 6.821 famílias do Semiárido terão garantidas por meio do Programa Uma Terra e Duas Águas (P1+2). As atividades serão executadas por 34 organizações não governamentais que atuam nos estados da Bahia, Ceará, Rio Grande do Norte, Piauí, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe e Minas Gerais. Ao todo, 68 municípios do Semiárido brasileiro estarão envolvidos no Programa que visa fomentar a produção de alimentos limpos e diversificados na região. No Rio Grande do Norte, as organizações SEAPAC, Sertão Verde e FETRAF vão construir 603 tecnologias de captação e armazenamento de água para a produção de alimentos.

De acordo com informações do Censo Agropecuário de 2006, a agricultura familiar compõe a base econômica de 90% dos municípios brasileiros com até 20 mil habitantes. A pesquisa também revela que de 10 postos de trabalho no meio rural, sete são de agricultores familiares. E este mesmo modo de produção é responsável por garantir a segurança alimentar e a erradicação da fome em grande parte dos municípios do país. Segundo o Ministério do Desenvolvimento Social (MDS), no Brasil, 70% dos alimentos que chegam à mesa da população são produzidos pela agricultura familiar.

Pensando nas características que constituem esta atividade econômica, o P1+2 inova e neste termo de parceria entre a Articulação Semiárido Brasileiro (ASA), o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e o Ministério do Desenvolvimento Social (MDS), traz o componente da produção agroecológica para dentro do Programa e além da implantação das tecnologias de captação e armazenamento de água e dos processos de mobilização social e formação, oferta às famílias assistência técnica.

Sobre a relevância desta inciativa, o assessor de coordenação do P1+2, Claudio Ribeiro, explica o que representa este novo momento do Programa. “Primeiramente, é bom dizer a importância dessa ação na integração de políticas públicas: água, fomento [recurso que é utilizado na aquisição de infraestrutura para ao agroecossistema familiar] e Ater [Assistência Técnica e Extensão Rural]. A segunda questão é que dará a possibilidade do P1+2 se qualificar ainda mais com relação ao planejamento das famílias para a produção de alimentos, a partir do diagnóstico da propriedade e a elaboração de um projeto produtivo, com a possibilidade de a família ter opções para potencializar essa produção”.

Na conjuntura atual, em que estão sendo cortados recursos para investimento em políticas públicas, entre elas, a de acesso à água, o assessor técnico da Coordenação Geral de Acesso à Água (CGAA) do Ministério do Desenvolvimento Social (MDA), Luiz Claudio Campos enfatiza o quanto a parceria com a ASA e a execução do Programa neste contexto, contribui para que este conjunto de políticas de acesso à água, alimentos e assistência técnica que estão sendo integradas nesta etapa do P1+2 sejam fortalecidas.

Fonte: www.asabrasil.org.br

APESAR DA GRANDE MÍDIA ESCONDER >> Futebol feminino Brasil conquista no Chile sua sétima Copa América



Com 100% de aproveitamento, a seleção brasileira venceu a Copa América de Futebol Feminino no Chile, a sétima conquista da competição.
Em partida realizada na noite desse domingo (22), as meninas do Brasil não tiveram dificuldade para vencer as colombianas por 3 x 0 no Estádio La Portada, em La Serena, com dois gols de Mônica e um de Formiga.
O resultado garantiu também ao Brasil vagas nas Olimpíada de 2020, no Japão, e na Copa do Mundo 2019, na França.
Para o treinador Oswaldo Alvarez, conhecido como Vadão, a fase preparatória foi essencial para o desempenho da seleção na Copa América, com sete vitórias em sete jogos, 31 gols marcados e apenas dois sofridos.
“Das 22 jogadoras que estão aqui conosco, 11 participaram dos três meses de trabalho na Granja Comary, em Teresópolis, quatro estiveram grande parte do tempo, e claro, as que atuam fora do Brasil se apresentaram nas datas da Fifa (datas em que a Federação Internacional de Futebol define para a realização de jogos preparatórios), disse Vadão.
Com informações da CBF

segunda-feira, 23 de abril de 2018

EM LAJES >> Amanhã 24 de abril, terá início mais uma Semana Alzira Soriano

Resultado de imagem para alzira soriano
Instituída através da Lei Municipal 502/209, de minha autoria enquanto vereador, tem o objetivo trazer a importância histórica da figura de Alzira Soriano no município a qual ela foi eleita como a primeira prefeita do Brasil e da América Latina.

A Secretaria Municipal de Educação e Cultura (SEMEC) em parceria com a Escola Estadual Pedro II e também o Poder Legislativo lajense organizaram diversas atividades culturais, envolvendo os mais diversos segmentos.

A programação terá início às 7:00 h no prédio da Prefeitura Municipal de Lajes, hoje denominado, Palácio Alzira Soriano.  

POSIÇÃO COERENTE >> Associação Nacional dos Procuradores do Trabalho repudiou à indicação do deputado Rogério Marinho (PSDB/RN) ao recebimento de honraria.


Resultado de imagem para rogério marinho
O Tribunal Regional do Trabalho da 21ª região, no Rio Grande do Norte, entregou na noite da sexta-feira (20) a Ordem do Mérito Judiciário Djalma Aranha Marinho ao deputado federal Rogério Marinho (PSDB-RN).  Ao todo, o TRT-RN homenageou 43 personalidades. Além de Rogério Marinho, também receberam medalhas nomes como do ex-presidente do órgão, José Rocha, o presidente do Tribunal de Justiça do RN, Expedito Ferreira, o procurador geral da República, Marcelo Alves Dias, o presidente da Fiern, Amaro Sales, o capitão da PM, Styvenson Valentim, e o empresário Nevaldo Rocha, fundador da Guararapes, que enviou um representante para o evento, entre outros. 

PROTESTO

Houve reação contrário dentro da Justiça do Trabalho. A Associação Nacional dos Procuradores do Trabalho (ANPT) emitiu nota repudiando à indicação do deputado Rogério Marinho e do empresário Nevaldo Rocha, pai do presidenciável Flávio Rocha (PRB),do grupo Riachuelo/Guararapes.

Veja a nota:
“A Associação Nacional dos Procuradores do Trabalho (ANPT) vem a público, em nome dos seus Associados, membros do Ministério Público do Trabalho (MPT) de todo o Brasil, manifestar indignação e repúdio à indicação pelo Conselho da Ordem do Mérito Judiciário do Tribunal Regional do Trabalho da 21ª Região, como homenageados, do Deputado Rogério Marinho e do Sr. Nevaldo Rocha.

A escolha de pessoas da sociedade para serem homenageadas pelo Tribunal Regional do Trabalho da 21ª Região com o recebimento das insígnias da Ordem do Mérito Judiciário está regulamentada no regimento integrante da Resolução Administrativa nº 06/2003, que prevê, em seu art. 1º, a finalidade de “agraciar personalidades e instituições que se hajam distinguido ou projetado em quaisquer ramos do Direito, bem como em outra atividade sociocultural”.

Considerando esse objetivo, não se pode admitir a indicação de pessoas ou entidades que não preencham os requisitos estabelecidos na norma para a concessão da referida comenda, pois, tratando-se de ato administrativo, exige-se o respeito aos princípios constitucionais da legalidade e da moralidade.

Diante disso, verifica-se que o Deputado Rogério Marinho, relator da Reforma Trabalhista, além de defender explicitamente a diminuição dos poderes da Justiça do Trabalho, a supressão de direitos básicos dos trabalhadores, a criação de obstáculos para o acesso do trabalhador a esse ramo do Poder Judiciário, e a limitação do conteúdo das matérias de competência da Justiça do Trabalho, também responde perante o Supremo Tribunal Federal por vários procedimentos criminais.

Quanto à empresa Guararapes Confecções S/A, presidida pelo Sr. Nevaldo Rocha, registra-se que, apenas no período de 2000 a 2017, respondeu a aproximadamente 5.300 ações propostas por trabalhadores, e, de acordo com os dados oficiais publicados, a empresa tem figurado, nos últimos anos, entre as cinco com maior número de demandas perante a Justiça do Trabalho do Rio Grande do Norte.

Além disso, e ainda mais grave, o Deputado Rogério Marinho e o Sr. Flávio Rocha, Vice-Presidente da empresa Guararapes Confecções e filho do homenageado Nevaldo Rocha, expressam opiniões a favor da extinção da própria Justiça do Trabalho.

O Sr. Flávio Rocha, ademais, além de ofender, publicamente, por várias vezes, membro do Ministério Público do Trabalho, estando em razão disso a figurar como réu em ação criminal em curso na Justiça Federal, respondendo pelos crimes de coação no curso do processo, injúria e difamação, publicou artigo no jornal O Globo (24/09/2017), referindo-se à atuação dos juízes do trabalho e procuradores, diante da reforma trabalhista, e chamando-os de “parasitas”, sem fazer exceções, insulto que alcança os próprios Desembargadores do Trabalho e Ministros do Tribunal Superior do Trabalho.

Evidencia-se, portanto, que a indicação das mencionadas pessoas configura desvio da finalidade do ato administrativo, por não preencher as condições previstas no regimento integrante da Resolução Administrativa nº 06/2003, o que torna ilegítima a entrega, a elas, das comendas da Ordem do Mérito Judiciário do Tribunal Regional do Trabalho da 21ª Região, e uma afronta aos Procuradores do Trabalho e certamente à comunidade jurídica trabalhista.”

EDUCAÇÃO E CONSCIENTIZAÇÃO >> UFRN realiza sua V Jornada Universitária em Defesa da Reforma Agrária



A V Jornada Universitária em Defesa da Reforma Agrária acontece numa conjuntura de aprofundamento do Golpe de 2016 e de criminalização dos movimentos sociais, sobretudo os movimentos sociais do campo. 

TECNOLOGIA E PRESERVAÇÃO CULTURAL >> Tribo indígena no Acre cria game sobre sua própria história para preservar cultura local

Sabemos que a tecnologia tem um papel crucial em nossas vidas, que a faz intervir em boa parte das coisas que fazemos e pensamos no nosso dia a dia. Mas como usar todo esse aparato tecnológico a favor de temas como a preservação da cultura de um povo?
A resposta parece mais simples do que você imagina: em forma de jogo! Foi assim que a tribo Huni Kuin resolveu preservar e levar adiante sua história.
O objetivo do game, que poderá ser baixado gratuitamente pela internet, é levar um pouco dessa cultura para a sociedade brasileira através de uma mídia moderna. Isso mesmo, a comunidade indígena localizada no Acre montou uma equipe de programadores, artistas e antropólogos para criar seu próprio videogame. O projeto se chama “Huni Kuin: os caminhos da jiboia” e trata-se de um jogo de plataforma de 5 fases, onde cada fase conta uma antiga história desse povo.
Os responsáveis pela criação, indígenas e não indígenas, fundaram inclusive um coletivo de produções audiovisuais chamado Beya Xinã Bena (Cultura Novo Tempo). Assista ao vídeo e divirta-se aprendendo.