sábado, 25 de janeiro de 2014

PT/RN recebeu a visita de Rui Falcão, Presidente Nacional do PT

IMG_20140124_112324-1024x768

O diretório estadual do PT/RN, eleito durante o PED 2013,  esteve reunido pela primeira vez nesta sexta-feira (24).  A reunião, realizada no Hotel Monza, em Natal, contou com a presença do presidente nacional do PT e deputado estadual (PT/SP), Rui Falcão.

Prestigiaram o encontro, militantes e dirigentes de todas as regiões do estado. Também estiveram presentes, a deputada federal Fátima Bezerra, o deputado estadual Fernando Mineiro, o presidente estadual do PT/RN Eraldo Paiva, o presidente do PT de Natal, Juliano Siqueira, os vereadores Hugo Manso, Fernando Lucena, Goreth Orrico, Odon Júnior, o prefeito Francisco de Parelhas, entre outros tantos nomes representativos do Partido dos Trabalhadores no Rio Grande do Norte.

Em sua visita ao estado, Rui Falcão destacou que o principal objetivo do PT nas eleições deste ano é garantir palanques estaduais fortes que viabilizem a reeleição da presidente Dilma Rousseff. Destacou ainda que outra meta do Partido  é fortalecer a candidatura de Fátima Bezerra ao senado, criando uma sintonia entre as políticas estaduais e nacionais do PT. Segundo Rui, o partido deve trabalhar também pela manutenção da vaga na câmara federal e pela ampliação das cadeiras na assembleia legislativa potiguar.

O presidente comentou ainda das dificuldades cotidianas da militância em fazer política e que ela não deve ser feita apenas durante as eleições. E quanto às candidaturas no estado, Falcão ressaltou que elas só serão decididas após o “Encontro de Tática Eleitoral” que acontece em março. “Faz parte do calendário do partido”, esclareceu.

Depois do encontro com o diretório, o presidente nacional recebeu junto com uma comissão política, o vice-governador Robson Faria. A conversa teve como tema as eleições de 2014. Após participar desta última reunião, Rui Falcão seguiu para a cidade de João Pessoa (PB), onde participou de agenda semelhante.

No segundo momento da reunião do diretório estadual foram aprovados os nomes que irão compor o novo diretório e a nova comissão executiva do PT/RN. O diretório também aprovou a seguinte Resolução Política.

Confira mais fotos aqui.

O “mata e cura” no RN


Uma pessoa que não esteja tão atualizada com relação as questões políticas, econômicas e sociais deve ter grande dificuldade para entender alguns fatos noticiados pela “grande mídia”. Digo isso a partir do seguinte fato:

Ontem 24/01 durante todo o dia, a mídia estadual repercutiu de forma negativa o afastamento da governadora Rosalba Ciarlini (DEM), mostrando como motivo causador desse afastamento: improbidade administrativa, incompetência, falta de uma maior articulação política e por aí vai...

Até tudo bem, porém, ainda ontem essa mesma mídia passou a divulgar que o Governo Estadual (que está sendo afastado pelas questões já mostradas anteriormente), vai dar um reajuste à categoria dos professores de 8,32%.

Um pequeno exemplo do "mata e cura no RN":

Na verdade, não é o Governo do Estado que está “dando” esse reajuste, ele apenas tem por obrigação cumprir a determinação legal do MEC, diga-se de passagem, que esse é um percentual bastante inferior ao que os professores merecem.

Lazer e aventura >> Mergulho com tubarões



Visitantes do Aquário Natal se encantam com a possibilidade de nadar ao lado de grandes animais marinhos

DO NOVO JORNAL

O empresário pernambucano Marcelo Costa, 35, topou o desafio de mergulhar entre tubarões. De braços abertos tocando a parede de vidro e olhos extasiados, o pequeno Felipe Soares Casé, de dois anos e oito meses, estava maravilhado. A cena descreve a reação de quem visita o Aquário Natal, na Redinha, litoral norte da cidade. A dupla de personagens citadas revela a emoção de quem se depara, assim de pertinho, com estes animais caçadores geralmente encontrados em águas profundas no oceano.

No caso, o encontro é com cinco tubarões lixa de 3 metros de comprimento, que dividem, pacificamente, o aquário de 200 mil litros de água com uma tartaruga verde. A piscina estrategicamente localizada no último corredor de visitação é a surpresa maior do Aquário Natal. Tranquilos e impassíveis às emoções do público do lado de fora, nem de longe estes animais lembram aquelas feras imortalizadas no cinema por Steve Spielberg como criaturas sanguinárias e devoradoras de humanos.

Marcelo Costa, o personagem que abre esta matéria, nunca havia mergulhado na vida. Disse que gostou da estrutura do local. Já havia estado em um aquário na África do Sul, mas foi em Natal que ele quis vencer o desafio de nadar submerso ao lado dos temidos tubarões.

Ele foi encorajada pela instrutora de mergulho Nilda Duarte que, entre os tubarões, sinaliza para os turistas que o mergulho é seguro. Os tubarões são pacíficos, mas advertiu que não se deve tocá-los. Caso eles se dirijam ao mergulhador em posição frontal, ou seja, encare o estranho de frente, nada de medo. As feras vão desviar. Antes de cair no aquário, Marcelo ouviu atento às instruções de como utilizar o equipamento, como se comportar lá embaixo, enfim. Tudo pronto, é hora de cair no aquário.

Do lado de fora do aquário, a funcionária pública Áurea Macedo, 35, mulher de Marcelo, filma tudo com o celular. O que era para ser uma visita, apenas, virou uma aventura. Áurea disse, porém, que não teve medo de ver o marido com os tubarões e em nenhum momento demonstrou receio diante da atitude corajosa do marido.

Depois do mergulho, Marcelo falou que as duas vezes que subiu à superfície foi por insegurança, mas não pensem que foi por causa dos tubarões; ele disse que estava receoso com relação ao equipamento de mergulho. “Não senti medo dos tubarões, fiquei um pouco nervoso, mas tudo bem”, exaltou com a promessa de que o próximo mergulho será em alto mar.

Enquanto Marcelo Costa estava mergulhando, do lado de fora, o casal Casé Júnior, 35 e Danilma Soares Casé, 30, ambos professores em Olinda (PE), onde moram, observava as reações do pequeno Felipe, o outro personagem que abre esta matéria.

Há cinco anos, o casal Casé visitou pela primeira vez o aquário na viagem de lua de mel em Natal. “Houve melhoras significativas na estrutura do aquário”, assinalou o professor sempre olhando para o filho. “Ele tá acordado”, gritava Felipe com os olhos fixos nos tubarões. O entusiasmo do pequeno era manifestado também com os braços abertos, como se quisesse tocar os bichos lá dentro.

A mulher Danilma até que incentivou o marido a se lançar aos tubarões, mas ele se esquivou alegando estar com gripe. Depois confessou que não entrou na piscina por medo. Bom mesmo foi compartilhar, do lado de fora, da alegria do pequeno Felipe.

A insegurança jurídica e o desrespeito ao povo do RN


 
A insegurança jurídica a que chegou a política do Rio Grande do Norte, sobretudo no que diz respeito ao município de Mossoró e agora ao governo do estado, com o afastamento da prefeita Cláudia Regina (DEM) e da governadora Rosalba Ciarlini (DEM), num vai-e-vem de recursos apelativos uma verdadeira chicana protagonizada pelos advogados das duas políticas em questão, tem deixado o Rio Grande do Norte nos últimos meses perplexo com o total desrespeito ao seu povo.

Aliás, bom que se diga que esse desrespeito vem desde o afastamento,  ao apagar das luzes, da prefeita de Natal, Micarla de Sousa. Não quero entrar no mérito das questões que levaram ao afastamento tanto de Micarla e agora de Rosalba. Motivos as duas ofereceram. Mas o que questiono é que tanto Micarla quanto Rosalba foram afastadas em fins de mandato. 

Culpa de quem? Certamente da morosidade da justiça eleitoral em julgar processos pendentes. No caso da prefeita de Mossoró, já merecia frequentar as páginas do Guinness Book tamanho são as suas idas e vindas do poder.

Fato é que o Rio Grande do Norte volta a frequentar as manchetes dos principais jornais impressos do país e dos telejornais, sem falar, claro, nos portais e blogs. O motivo todos sabem. A chicana judiciária de juizes, ministros (falo do TSE aí) e advogados das partes interessadas. Quem paga com isso é a população que fica sem saber quem é o governante da hora. Aliás, sobre a governadora Rosalba Ciarlini escrevi aqui um Editorial que falava exatamente da berlinda que ela está colocada. Clique aqui para ler.

A governadora do Rio Grande do Norte vinha governando o estado sob efeito de uma liminar desde o início de dezembro quando recorreu ao Tribunal Superior Eleitoral contra o seu primeiro afastamento imposto pelo TRE. A ministra Laurita Vaz foi quem concedeu a liminar favorável a governadora. Detalhe: o mérito dessa liminar sequer foi julgado ainda em virtude do recesso forense. O TSE só retoma os trabalhos após 4 de fevereiro.

Contudo, não será nenhuma surpresa se em uma nova liminar Rosalba Ciarlini amanhecer o sábado novamente governadora do Rio Grande do Norte. A decisão do TRE para que a Assembleia Legislativa empossasse Robinson Faria no cargo de governador está prevista somente para a manhã deste sábado, tempo suficiente para uma decisão liminar do TSE favorável à Rosalba.

Enquanto isso, o desrespeito ao povo do RN continua.

Leis trouxeram avanços na proteção aos direitos humanos


Da Agência Senado

Já está em vigor a lei 12.845/2013, que obriga o Sistema Único de Saúde (SUS) a prestar atendimento emergencial, integral e multidisciplinar às vítimas de violência sexual. O projeto que deu origem à lei foi aprovado em julho pelos senadores e sancionado pela presidente da República em agosto de 2013, com prazo de 90 dias para início de sua vigência.

Dentre os atendimentos a serem ofertados estão profilaxia de gravidez e doenças sexualmente transmissíveis; facilitação do registro de ocorrência e encaminhamento ao órgão de medicina legal (responsável pelo exame de DNA para identificação do agressor) e às delegacias especializadas; e acompanhamento médico, psicológico e social.

Apesar da maioria das vítimas serem mulheres, o projeto assegura o atendimento emergencial a todas as pessoas vitimadas, independentemente de gênero ou idade – sejam crianças, jovens e idosos, transexuais, travestis e homossexuais de qualquer sexo.
Tortura

Também já está valendo a lei 12.847/2013, que institui o Sistema Nacional de Prevenção e Combate à Tortura (SNPCT).

O objetivo da lei é fortalecer a prevenção e o combate à tortura, mediante a integração de órgãos e entidades públicas e privadas, por meio do monitoramento, da supervisão e do controle de estabelecimentos e unidades onde se encontram pessoas privadas da liberdade.

A proteção da dignidade da pessoa humana, universalidade, objetividade, igualdade, imparcialidade, não seletividade e não discriminação são princípios que deverão nortear a atuação do SNPCT. Como organismos de suporte estão o Comitê Nacional de Prevenção e Combate à Tortura (CNPCT) e o Mecanismo Nacional de Prevenção e Combate à Tortura (MNPCT).

O comitê será presidido pelo ministro-chefe da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República e integrado por 23 membros, escolhidos e designados pelo presidente da República, 11 dos quais devem ser representantes de órgãos do Poder Executivo federal e 12, de conselhos de classes profissionais e de organizações da sociedade civil. Serão convidados a participar das reuniões do Conselho, em caráter permanente e com direito a voz, representantes do Ministério Público, do Poder Judiciário, da Defensoria Pública e de outras instituições públicas.

sexta-feira, 24 de janeiro de 2014

O desgoverno do DEM no RN >> Governadora de Agripino é cassada pela segunda vez

247 - Menina dos olhos do senador Agripino Maia (DEM/RN), um dos líderes da oposição ao PT e ao governo Dilma, a governadora Rosalba Ciarlini foi cassada pela segunda vez. O motivo é o abuso de poder econômico nas eleições municipais de 2012. Além de cassada, ela também se tornou inelegível pelos próximos oito anos, mas cabe recurso ao Tribunal Superior Eleitoral.

A Justiça estadual também determinou que o vice Robinson Faria, do PSB, assuma em seu lugar. Faria rompeu com Rosalba logo após a posse e hoje é o nome mais forte na disputa pelo governo estadual.

Governadora com os menores índices de popularidade do País, Rosalba, na prática, governa em parceria com o senador Agripino.

Recentemente, uma investigação do Ministério Público descobriu que o DEM operava um grande esquema de caixa dois no Rio Grande do Norte, mas o então procurador-geral da República, Roberto Gurgel, decidiu arquivar o caso (leia mais aqui). Em razão disso, Gurgel já está sendo questionado pelo Conselho Nacional do Ministério Público.

Formação >> Inscrições abertas para o curso de aperfeiçoamento de leitura e escrita

Estão abertas as inscrições para o curso formação de professores do Ensino Médio “Leitura e escrita em diálogo com a área de linguagens, códigos e suas tecnologias”. O prazo vai até o dia 7 de fevereiro. As vagas são limitadas e as inscrições estão sendo feitas na SEEC ou pelo email secretaria_pem@yahoo.com.br.

Para se inscrever são necessários: cópia do diploma reconhecido pelo MEC, cópia do RG, do CPF e comprovante de quitação com o serviço militar (somente para candidatos do sexo masculino); declaração informando que o professor está lecionando em escola pública, com a ciência do diretor; currículo resumido, além do formulário de inscrição, devidamente preenchido.

O Curso é destinado a professores de Língua Portuguesa do Ensino Médio e contempla os municípios de Natal e Currais Novos. As aulas começam dia 15 de fevereiro no Setor de Aulas Teóricas II da UFRN e no Campus de Currais Novos e acontecerão aos sábados, das 8 ao meio dia e das 14 às 18 horas.

A estrutura curricular é composta por oito disciplinas que totalizam 225 horas-aula: gêneros discursivos e suportes textuais, diversidade linguística, a leitura escrita em perspectiva dialógica, o texto argumentativo, o texto multimodal em perspectiva dialógica, Oficina de leitura e escrita de textos argumentativos, Oficina de leitura do texto multimodal e Língua Portuguesa no Ensino Médio.

Mais Informações podem ser obtidas por telefone, em Natal com Priscilla pelo 3215-3579 e em Currais Novos com Semideusa pelo 3431-2539 ou pelo email das inscrições.

Fonte: site do SINTE/RN

Criado grupo de trabalho para acompanhar as obras da barragem de Oiticica

Governadora Rosalba Ciarlini se reuniu com moradores da região para prometer indenizações com a construção. Foto: Divulgação Para os especialistas, a barragem de Oiticica é importante para barrar o volume de água que vem carreado da Paraíba


O Diário Oficial do Estado publica na quinta-feira decreto criando o grupo de trabalho que acompanhará a relocação das famílias residentes em Barra de Santana, na zona rural de Jucurutu, que serão inundadas para a construção da barragem de Oiticica.

Há duas semanas, a governadora Rosalba Ciarlini se reuniu com um grupo de  moradores de Barra de Santana para debater a transferência deles e também para desfazer boatos que circularam na região sobre a possibilidade de um calote nas indenizações.

Rosalba disse a um grupo de 150 pessoas que os recursos para as indenizações das famílias já estão assegurados no Orçamento do Estado para este ano e se comprometeu a respeitar o desejo da maioria deles de se mudar para o Alto do Paiol, a nova região escolhida.

Havia receio de que os moradores paralizassem a obra com previsão de entrega em outubro de 2015 e tem 10% do cronograma concluído.  Na ocasião, o secretário estadual de Recursos Hídricos, Leonardo Rêgo, lembrou que o processo de recenseamento das 77 famílias de Barra de Santana está concluído desde o final de dezembro do ano passado, 30 dias antes do previsto. E que existem por volta de  70 laudos prontos para dar  início ao processo de indenização por parte do Governo do Estado.

O decreto publicado hoje cumpre na prática a principal promessa de Rosalba aos moradores daquela região: nomear  a  comissão formada por representantes do Governo, Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Líderes Comunitários, Igreja Católica e um engenheiro indicado pela Prefeitura de Jucurutu.

O passo seguinte será apresentar, até janeiro do ano que vem, um estudo completo da área conhecida como Alto do Paiol, para onde os moradores de Barra de Santana vão ser transferidos e elaborar para lá um projeto urbano da nova comunidade. A entrega das casas – por esse planejamento – ficará para abril de 2015 – na teroria, seis meses antes da conclusão  da obra da Barragem de Oiticica.

A barragem de Oiticica, a ser construída no leito do rio Piranhas-Açu, entre os municípios de Caicó e Jucurutu, é mais outro dos velhos sonhos do Estado como forma de minimizar os eternos problemas hídricos.

O valor total da obra é de R$ 311 milhões, dos quais R$ 292 milhões virão do Governo Federal e R$ 19 milhões do Governo do Estado. A capacidade é de 556 bilhões de litros de água e, quando estiver cheia, beneficiará diretamente 500 mil pessoas de 17 municípios das regiões Central, Seridó e Vale do Açu.

Para os especialistas, a barragem de Oiticica é importante para barrar o volume de água que vem carreado da Paraíba, onde nasce o rio Piranhas-Açu. Sua construção vem sendo defendida há anos por lideranças políticas como forma, inclusive, de conter os efeitos das inundações, coisa que não vem acontecendo nos últimos três anos.

Fonte: Jornal de Hoje

Estiagem >> Caern confirma que oferta de água pode ser reduzida nos próximos meses

Reservatórios do Estado estão com nível crítico Reservatórios do Estado estão com nível crítico A previsão de que o período chuvoso deve ficar na média ou abaixo da média na região, anunciada durante o XV Workshop Internacional de Avaliação Climática para o Semiárido Nordestino, realizado em Fortaleza, preocupa não somente os agricultores, mas também a população da zona urbana de Mossoró, que teme ter que racionar água nos próximos meses, uma vez que em virtude da estiagem dos anos anteriores a situação dos reservatórios do Estado é alarmante. A própria Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) confirma que a oferta pode ser reduzida na cidade.
A Barragem Armando Ribeiro Gonçalves, por exemplo, está com menor nível desde a sua fundação, há 30 anos. Balanço da Caern estima que o reservatório, considerado o maior do Estado, esteja funcionando com pouco mais de 30% da capacidade máxima.
Responsável pelo fornecimento de água em pelo menos 34 municípios, a Armando Ribeiro Gonçalves abastece a Adutora Jerônimo Rosado, que distribui 30% da água utilizada diariamente pela população mossoroense, o que significa dizer que, caso a barragem localizada entre as cidades do Assú e São Rafael entre em colapso, o abastecimento em Mossoró será diretamente prejudicado.
"Na região do Médio Oeste, já foi adotado o rodízio, racionamento. Cidades como Pau dos Ferros e Caicó estão com o sistema paralisado, dependendo de carro-pipa. Poderemos ter, sim, a oferta de água reduzida em Mossoró, já que a Adutora Jerônimo Rosado contribui para o abastecimento de toda a cidade", diz o gerente regional da Caern em Mossoró, Nehilton Barreto.
Localidades como o Centro, Paredões, Barrocas, que demandam uma grande quantidade de água da adutora, podem ter problemas, "mas não acredito em black out, racionamento de forma geral, não vai chegar a esse ponto", destaca o Nehilton Barreto, acrescentando: "Mas só o tempo vai dizer".
O gerente explica que a situação na segunda maior cidade do RN não é ainda mais preocupante porque 70% da água distribuída no município é oriunda de poços, que apesar de terem sua capacidade reduzida ao longo das últimas décadas, ainda permanecem atendendo às necessidades da população.
"Os poços não irão secar, não há previsão de eles ficarem a zero. As previsões apontam para um período chuvoso normal ou abaixo do normal, as notícias são tão ruins, se as chuvas vieram, não haverá problemas", conclui.

Adutora Jerônimo Rosado será paralisada hoje para manutenção
A partir das 7h até as 12h, a Companhia de Águas e Esgotos do RN realizará serviço de manutenção na Adutora Jerônimo Rosado, para substituição de bomba de captação. Com isso, o abastecimento nesse período será paralisado, sendo restabelecido na sequência.
Com a manutenção da adutora, o abastecimento de água será reduzido em 30%. As localidades mais afetadas com a redução da oferta de água serão o Centro e os bairros Paredões e Barrocas.
A Caern orienta os moradores que economizem água durante o dia de hoje. O ideal, segundo a empresa, é que os cidadãos mantenham as caixas de água cheias e evite o desperdício, além de reduzir o consumo de águas nas atividades diárias.

quinta-feira, 23 de janeiro de 2014

Aconteceu a 2ª reunião sobre o Monumento Natural do Pico do Cabugi


Aconteceu na manhã da última terça-feira, dia 21 de janeiro, na fazenda de Nildo do Cabugi, a segunda reunião convocada pelo IDEMA para se discutir questões relacionadas ao Monumento Natural do Pico do Cabugi.

Estive participei enquanto integrante da AECOPAM e também como Coordenador Municipal de Meio Ambiente, juntamente com a professora Gorete Santos e vários proprietários que têm terras nas mediações do Pico do Cabugi. Essa reunião que teve como pauta os seguintes assuntos:

Explicar de forma técnica o que significa essa mudança na nomenclatura na área do Pico do Cabugi que deixa de ser Parque Ecológico e torna-se Monumento Natural;

A composição do Conselho Gestor do Monumento Natural do Pico do Cabugi, que terá em sua representação dos municípios de Angicos e Fernando Pedroza, Instituições de Ensino e Pesquisa (UFERSA), IDEMA, ICM bio, (Instituto Chico Mendes), associações rurais que ficam na área do Pico Cabugi, entidades ambientais e turísticas que desenvolvam atividades naquela região...

Nessa reunião foi mostrada também a área de abrangência do Monumento Natural do Pico do Cabugi, seus limites e algumas normas que os produtores rurais que têm propriedades dentro desses limites deverão obedecer.
  
O que é um Monumento Natural

O Monumento Natural tem como objetivo básico preservar sítios naturais raros, singulares ou de grande beleza cênica, pode ser constituído por áreas particulares, desde que seja possível compatibilizar os objetivos da unidade com a utilização da terra e dos recursos naturais do local pelos proprietários.
 
Havendo incompatibilidade entre os objetivos da área e as atividades privadas ou não havendo aquiescência do proprietário às condições propostas pelo órgão responsável pela administração da unidade para a coexistência do Monumento Natural com o uso da propriedade, a área deve ser desapropriada, de acordo com o que dispõe a lei. A visitação pública está sujeita às condições e restrições estabelecidas no Plano de Manejo da unidade, às normas estabelecidas pelo órgão responsável por sua administração e àquelas previstas em regulamento.

Fórum Social Temático, em Porto Alegre, promove seminário internacional sobre mídia livre

Acontece, nos dias 24 e 25 de janeiro, como parte da programação do Fórum Social Temático em Porto Alegre, mais uma etapa do processo internacional do Fórum Mundial de Mídia Livre. Desta vez, ativistas brasileiros e vindos de diversos países se reunirão para discutir a elaboração da Carta Mundial da Mídia Livre, além de debater temas como mídia pública, marcos regulatórios para uma mídia democrática e a importância da comunicação nas mobilizações de junho de 2013 no Brasil.

O evento em Porto Alegre também levantará propostas para o IV Fórum Mundial de Mídia Livre, que deve acontecer na Tunísia, em 2015. Confira abaixo a programação completa do seminário e participe !

Participantes :

Brasil : Alquimidia, Ciranda, Imersão Latina, Intervozes, FNDC, Mocambos, Midia Ninja, Fora do Eixo, Rede Mulher e Mídia, Soylocoporti, Pontao Eco/UFRJ e vários coletivos, pontos de cultura, mídias alternativas e compartilhadas, pesquisadores/as e ativistas da comunicação.

Internacionais : Magali Yakin e Norma Fernandes, Argentina ; Cheima Ben Hmida, Tunísia ; Viriato Tamele, Moçambique ; Diana Senghor, Senegal ; Mohamed Leghtas, Marrocos ; Erika Campelo, França ; Antonio Pacor, Itália ; Chistian Shroeder, Alemanha e outros participantes internacionais do Forum Social Tematico, do Forum Mundial de Educaçao e do Conexões Globais, comprometidos com a defesa da mídia livre.

22 a 26 de janeiro de 2014

Exposição Memorial da Mídia Livre
Local – Térreo da Usina do Gasômetro

24 de janeiro – sexta-feira (Rodas de conversa)

Trilha de Verão em Lajes/RN >> Lazer, turismo e meio ambiente....

Política >> Presidente Nacional do PT vai participar da reunião do Diretório Estadual


O presidente nacional do PT, Rui Falcão, iniciou nesta semana um roteiro de viagens pelos estados para discutir conjuntura nacional e as eleições 2014 e outros assuntos.

No Rio Grande do Norte, Rui irá participar da reunião ampliada do diretório estadual na próxima sexta-feira (24), das 09 às 17 horas, no Hotel Monza.

reunião de diretorio 2014

Economia e cultura popular >> Feira Internacional reunirá artesãos de 15 países em Natal

Artesanato indígena também será destaque na 19ª Fiart (Divulgação)Artesanato indígena também será destaque na 19ª Fiart (Divulgação)A 19ª Feira Internacional de Artesanato começará nesta sexta-feira, no Pavilhão das Dunas, do Centro de Convenções, em Natal, com expectativa de reunir 68 mil visitantes em 385 estandes. Participarão ainda artesãos locais, nacionais e de 15 países, além de eventos, como o Salão e o Seminário do Artesanato Potiguar, Oficina e Salão dos Mestres, Prêmio Vitrine do Artesanato, Festival de Danças Folclóricas, tribos indígenas Pataxó e Fulni-ô, praça de alimentação e shows artísticos. O evento prossegue até o dia 2 de fevereiro.

A programação cultural começa sexta-feira, com música eletrônica e apresentações sequenciadas de Trio de Forró Santa Maria, Trupi Ashaki Cia de Dança, Quadrilha Arraiá Rei do Baião, grupo cultural Dialetos, grupo pastoril Renascer, encerrando com a banda de música do 3º Distrito Naval, Maiorais do Forró e banda Perfume de Gardênia.

Sábado, a programação segue com grupos circenses, grupo cultural da Fundação José augusto (FJA), grupo de arte Dança Enigma, Academia Evidance, Grupo Raízes Potiguar, banda de música Trampolim da Vitória e os shows de Carlinhos Zens e Forró Meirão.

O domingo cultural na Fiart começará com trio de forró Santa Maria, mamulengo, orquestra sanfônica de Parelhas, Macambiras, banda de música de Extremoz e, fechando o domingo, Cacetada do Forró e Banda Anos 60. A programação cultural da Fiart vai das 18h às 22h, e a feira funcionará das 15h às 22h.

Fonte: Jornal O Mossoroense