sábado, 2 de março de 2019

Lula deixa carceragem da Polícia Federal para ir a velório de neto


Ex-presidente Lula embarca para São Paulo para acompanhar o velório do neto — Foto: Valquier Aureliano/PhotoPress/Estadão Conteúdo

pedido feito pela defesa citava o artigo 120 da Lei de Execução Penal, que diz que "os condenados que cumprem pena em regime fechado ou semiaberto e os presos provisórios poderão obter permissão para sair do estabelecimento, mediante escolta, quando ocorrer falecimento ou doença grave do cônjuge, companheira, ascendente, descendente ou irmão". 

Arthur Lula da Silva, de 7 anos, neto do ex-presidente Lula, morre de meningite — Foto: Reprodução/Facebook

PROGRAMAÇÃO DO CARNAVAL EM LAJES >> Já teve início com o tradicional bloco do Zé Pereira e segue com a programação abaixo. Venha participar!


ESTAMOS PASSANDO POR UM PERÍODO DE VIOLÊNCIA >> E vejo que isso se expande ainda mais quando a referência de poder estimula esse tipo de coisa

NOSSO CARINHO E NOSSOS SENTIMENTOS >> A você Lula que foi o presidente que mais fez pela melhoria de vida do nosso povo

Cai sobre nossa consciência de adultos a infâmia de transformar em piadas baratas, em ironia e sarcasmo a dor de um avô pela perda de seu neto

Arthur em imagem divulgada pelos perfis de Lula nas redes sociais.
Sabíamos que no Brasil majoritariamente solidário, sensível à dor alheia e que ama seus pequenos, existiam monstros de ódio. Confesso, no entanto, que ignorava que fossem tantos e com tanta carga de sadismo. Estão sendo revelados pelos comentários sórdidos e até blasfemos, já que invocam a Deus como motivo da morte de Arthur, de sete anos, neto inocente de Lula, condenado e preso por corrupção.
Uma criança ainda não teve tempo de conhecer a que abismos de cegueira tanto a política como a ideologia podem conduzir. E cai sobre nossa consciência de adultos a infâmia de transformar em piadas baratas, em ironia e sarcasmo nas redes sociais a dor de um avô pela perda de seu neto. Lula, mesmo condenado e na cadeia, não perdeu nem sua dignidade de pessoa nem seu pedaço de história positiva que deixa escrita neste país.
Aqueles que se alegram pela perda do neto de Lula, que seria o castigo de Deus por ter apoiado como presidente governos como o da Venezuela que hoje mata de fome suas crianças, como li aqui mesmo neste jornal, estão revelando a que ponto de cegueira e insensibilidade humana pode chegar o soberbo Homo sapiens.
Essa ausência de empatia e decência chegou a infectar até políticos com responsabilidade, como o filho do presidente Bolsonaro, o deputado federal Eduardo, que tudo o que soube escrever na Internet sobre a triste morte do neto de Lula é que este deveria estar "em uma prisão comum, como um prisioneiro comum", sem uma única palavra de piedade ou pelo menos de respeito por seu inimigo político. Como resposta, Fernando Lula Negrão escreveu que as palavras do filho do presidente "eram emblemáticas do caráter, da criação, dos complexos, da falta de misericórdia, dos ódios, das angústias e da falta de amor que é típica dos psicopatas, dos serial killers e dos covardes...” Um duro julgamento que, tenho certeza, tem o aplauso dos milhões de brasileiros que não perderam a capacidade de mostrar solidariedade com a dor dos outros.
E também Alexandre Braga, certamente outro dos milhões de brasileiros sãos, não envenenado pela ideologia, lhe respondeu com sensatez: "Perdeu a chance (Eduardo) de ficar calado. Lula já está acabado e preso. Respeite a dor do avô, basta desse ódio malvado e vamos pensar no Brasil".
Tentando lembrar tempos sombrios da História em que o ser humano chegou a se degradar a ponto de não só não respeitar a inocência da infância, como também fazer dela carne da infâmia, só me vieram à memória aqueles campos de concentração nazistas onde as crianças eram queimadas vivas porque "não serviam para trabalhar". Foi em um desses campos que um de seus dirigentes dedicava para a rega das flores de seu jardim a pouca água que havia, deixando as crianças morrerem de sede.
Para aqueles que como eu dedicaram tantos artigos a louvar o positivo da alma brasileira que tanto me ensinou e confortou nos momentos em que não é difícil perder a confiança no ser humano, ler os comentários sem alma, sem empatia, de ódio ou sarcasmo e até mesmo regozijando-se pela morte de um inocente, tão somente por ódio a Lula, seria preferível não ter vivido este dia.
Estou entre os jornalistas que criticaram na época o fato de Lula, que chegou com a esperança de renovar a política, ter acabado se contaminando pelos afagos dos poderosos e pela política fácil da corrupção. Hoje, porém, diante desses caminhões de lixo que as redes estão vomitando contra ele e até contra o neto inocente que perdeu, eu me atrevo a lhe pedir perdão em nome dos milhões de brasileiros que ainda não se venderam ao ódio fácil e ainda sabem manter sua dignidade perante o mistério da morte de um inocente.
Houve quem escrevesse que depois dos campos de concentração do nazismo não seria possível continuar acreditando em Deus. E depois desses ódios e insultos imundos despejados contra Lula por causa de sua dor por ter perdido o neto, é possível continuar acreditando no Brasil? O Brasil dos esgotos, que hoje manchou gratuitamente a alma de uma criança inocente, passará, como o nazismo passou. O outro Brasil, o anônimo, aquele que hoje ficou horrorizado vendo os monstros soltos desfilando nas redes sociais, o majoritário, acabará — ou será somente a minha esperança? - dominando os monstros que hoje nos assustam para assim abrir caminho aos anjos da paz.

sexta-feira, 1 de março de 2019

COMPROMISSO COM O FUNCIONALISMO >> Governo anuncia para os dias 15 e 29 pagamento da folha de março no RN

Repasses serão realizados conforme faixa salarial; nesta quinta, Governo concluiu a folha de fevereiro pagando o restante de 70% dos salários de quem ganha acima de R$ 6 mil  
A governadora Fátima Bezerra anunciou nesta quinta-feira, 27, o calendário de pagamento do funcionalismo público do Rio Grande do Norte referente ao mês de março. Os repasses serão realizados nos dias 15 e 29, conforme faixa salarial.
Dia 15 será pago o salário integral a quem ganha até R$ 6 mil, aos servidores dos órgãos que compõem a Segurança Pública e uma parcela de 30% do salário de quem recebe acima de R$ 6 mil. Já no dia 29 será pago o restante do salário de quem recebe acima de R$ 6 mil e os servidores dos órgãos que têm arrecadação própria e da Educação.
Essas datas e valores, segundo o Executivo, são fruto do acordo com as entidades representativas dos servidores durante reunião realizada na manhã desta quinta no Gabinete Civil com os secretários Raimundo Alves (Gabinete Civil), Virgínia Ferreira (Administração) e Aldemir Freire (Planejamento).
Segundo o secretário-chefe do Gabinete Civil, a antecipação de parte dos salários tem o objetivo de reduzir o impacto dos atrasos das folhas de dezembro e do décimo-terceiro de 2018 para quem recebe os menores salários.
Na reunião ficou acordado também que o Governo irá estudar uma proposta de calendário salarial dos próximos seis meses para, assim, poder oferecer uma previsibilidade aos servidores. Atualmente, as datas são definidas a cada mês durante as reuniões entre representantes dos Governo e dos servidores.
Fevereiro
Nesta quinta-feira, o Governo do Estado concluiu a folha de pagamento do mês de fevereiro pagando o restante de 70% dos salários de quem ganha acima de R$ 6 mil, além dos servidores da Educação e dos órgãos com arrecadação própria, como por exemplo Caern e Detran.

DURANTE O PERÍODO DE CARNAVAL >> Trânsito de Natal sofrerá mudanças no carnaval; transporte público funcionará em horário especial


A Prefeitura do Natal, por meio da Secretaria de Mobilidade Urbana (STTU), montou uma operação especial de trânsito e transporte público para o desfile dos blocos e funcionamento dos polos carnavalescos durante os dias de folia do Carnaval em Natal 2019.
De acordo com a STTU, serão 110 agentes de mobilidade em cada dia, trabalhando em 30 motos, 14 viaturas e um caminhão guincho. “Estaremos presentes nos polos para garantir a segurança do folião, realizando todos os bloqueios necessários”, ressalta Rogério Leite, diretor de Fiscalização da STTU.
A STTU reforça que o cidadão que necessitar de auxílio devido a problemas no trânsito e transporte público deve acionar o Alô STTU, no telefone 156.
POLO CENTRO HISTÓRICO
Os bloqueios na Cidade Alta para a realização da festa de momo no Polo Centro Histórico começam às 16h do dia 1º de março e seguem até a 01h do dia 05 de março. Será fechada a rua entre a Praça André de Albuquerque e a Igreja Matriz de Nossa Senhora da Apresentação e também a rua entre a Praça Sete de Setembro e o Palácio da Cultura.
As linhas de ônibus que operam no entorno do polo não sofrerão alterações.
POLO PETRÓPOLIS
No bairro de Petrópolis, serão fechadas a Rua Seridó, entre a Av. Prudente de Morais e a Av. Afonso Pena, e a Av. Campos Sales, entre as ruas Seridó e Potengi. O bloqueio começa nesta quinta-feira (28), a partir das 16h, e segue até o dia 05 de março a 01h.
Com as interdições, a Linha 35 (Soledade I/Candelária) vai mudar de itinerário durante o evento apenas no sentido Zona Norte. A mudança começa na altura da Av. Prudente de Morais, onde entra na Rua Mipibu, Av. Campos Sales e acessa a Rua Trairí, seguindo o itinerário normal.
POLO PONTA NEGRA
Durante a folia em Ponta Negra, os bloqueios se concentram na Av. Praia de Ponta Negra, desde a região da Praça Ecológica (conhecida como Praça do Gringo’s) até a altura do Praia Shopping das 17h do dia 1º de março às 01h do dia 05 de março
Devido as interdições, as Linhas 46 (Ponta Negra/Ribeira, via Praça Cívica), 54 (Rocas/Ponta Negra, via Alecrim), 56 (Rocas/Ponta Negra, via Via Costeira) e 66 (Ponta Negra/Cidade da Esperança, via Bom Pastor) vão mudar de itinerário. Na saída da Vila de Ponta Negra, as linhas vão seguir direto pela Av. Eng. Roberto Freire, deixando de passar pelo conjunto Ponta Negra. Já na chegada à vila, as linhas passarão pelo conjunto, mas utilizando as ruas Historiador Francisco Fausto, Dr. Nildo de Oliveira e chegando a Av. Praia de Genipabú, de onde seguem normalmente.
POLO ZONA OESTE/NAZARÉ FOLIA
O Nazaré Folia vai bloquear, a partir das 16h do dia 02 de março até a 01h do dia 04 de março, a Rua Hidrógrafo Vital de Oliveira, no trecho entre as avenidas Jerônimo Câmara e Capitão-Mor Gouveia.
Com a interdição, as linhas intermunicipais que param na Rua Hidrógrafo Vital de Oliveira (lateral da Rodoviária), vão pararão em frente a Rodoviária, junto com os ônibus urbanos.
POLO REDINHA
Na Redinha haverá bloqueios permanentes na Praça do Cruzeiro e no Largo do Buiú, que fica na Av. Ulisses Guimarães. As interdições começam às 14h do dia 1º de março e seguem até às 18h do dia 06 de março.
Na Av. Dr. João Medeiros Filho, a partir do Viaduto da Redinha, e na Rua Francisco Ivo, que fica na orla, não haverá bloqueios permanentes. Com isso, as linhas 08 (Redinha/Mirassol), 13 (Redinha/Petrópolis) e 76 (Felipe Camarão/Redinha) acessarão o terminal de ônibus normalmente. Contudo, caso as vias fiquem muito congestionadas, o retorno será realizado no Viaduto da Redinha.
CIRCUITO PRAIA DO MEIO
Além dos polos, haverá o chamado “pranchão” na região das praias de Areia Preta, Miami, Artistas, do Meio e do Forte. O evento vai acontecer nos dias 03 e 04 de março, das 14h às 18h, na Av. Pres. Café Filho, entre o Terminal de Ônibus de Brasília Teimosa até o Centro de Artesanato da Praia do Meio.
Por se tratar de um evento itinerante, as linhas de ônibus que circulam nas praia da Zona Leste não sofrerão desvios de itinerários, sendo retidas apenas na hora da passagem do “pranchão”.
VIAGENS ESPECIAIS DAS LINHAS DE ÔNIBUS
As linhas 08 (Redinha/Mirassol, via Rodoviária), 10/29 (Nova Natal/Nova Descoberta, via Campus), 22/71 (Felipe Camarão/Petrópolis, via Rocas), 37 (Rocas/Cidade Satélite, via Praça Cívica), 41 (Cidade Nova/Ribeira, via Av. Prudente de Morais), 50 (Serrambi/Santa Catarina), 54 (Rocas/Ponta Negra, via Alecrim), 60 (Pajuçara/Mirassol), 64 (Nova Natal/Ribeira), 72 (Vale Dourado/Mirassol), 75A (Parque das Dunas/Ribeira – ida Ponte Newton Navarro/volta Ponte de Igapó), 77 (Parque das Dunas/Mirassol) e 83 (Felipe Camarão/Ponta Negra, via Cidade Satélite/Neópolis) operarão, nos dias de folia, até a meia-noite.
Além das linhas convencionais, os usuários poderão contar com as linhas corujões, que são: a linha A (Ribeira/Alecrim/Redinha/Brasil Novo/Parque das Dunas/Pajuçara) que sai do terminal na Ribeira às 00h15, 01h45 e 03h25; linha B (Ribeira/Midway Mall/Amarante/Parque dos Coqueiros/Nova Natal/Gramoré), que sai do terminal na Ribeira às 00h25, 01h55 e 03h25; linha C (Ribeira/Via Costeira/Ponta Negra), que sai do terminal na Ribeira às 23h40, 00h50, 02h30 e 03h45; linha E (Felipe Camarão/Cidade Nova/Ponta Negra, via Av. Bernardo Vieira) que sai do terminal em Felipe Camarão às 00h20, 01h20, 02h10, 03h10 e 04h10; e a linha 33 (Planalto/Ribeira/Praia do Meio/Mãe Luíza) que opera 24h.
Também haverá reforço nas linhas do transporte opcional, que funcionarão até a meia-noite e as linhas que ligam a Zona Norte até a Zona Sul estenderão seus itinerários até Ponta Negra.
Fotos: Josenilson Rodrigues/Busão de Natal

EM MOSSORÓ >> Memorial da Resistência terá programação alusiva ao mês da mulher

image.png
Em comemoração ao mês da mulher, o Memorial da Resistência terá uma programação especial entre os dias 18 e 30 de março. A programação terá como tema “Mossoró e suas Mulheres” e terá como destaque uma exposição fotográfica que reunirá mulheres de diversos segmentos.
No dia 18, a abertura será com uma palestra ministrada pela prefeita Rosalba Ciarlini. “Vamos fazer uma homenagem as mulheres com histórias de vida e conquistas, na proposta do empoderamento feminino. com pioneirismo e coragem”, destacou o diretor do Memorial, Luciano Salles.
A programação ainda contará com ações em parceria com outras Secretarias, no sentido de desenvolver palestras e outras atividades voltadas ao universo feminino.
Portal Prefeitura

ARTIGO >> Os perigos da política fascista

Por Homero Costa
O tema do fascismo voltou à tona, com diversos livros publicados e alguns reeditados no Brasil. Entre outros, podemos citar “Michel Temer e o fascismo comum” que reúne artigos do psicanalista Tales Ab’Saber (Editora Hedra, 2018), no qual analisa o que chamou de processo de formação de um conjunto de práticas (e idéias) que ajudaram a criar as condições para um poder regressivo no País, apontando para uma “nova modalidade de ação política de ódio e de mentira” (particularmente no artigo “Mediocridade, política e violência”). É o que ele qualifica como “fascismo comum”.

Outro livro publicado em 2018 no Brasil foi “Fascismo, um alerta”, de Madeleine Albright (Editora Crítica). Além de professora na Universidade de Georgetown, em Washington, exerceu cargo públicos de grande relevância, como ter sido  a primeira mulher  a ser Secretária de Estado nos Estados Unidos (1997 a 2001, no governo de Bill Clinton) e também embaixadora dos Estados Unidos nas Nações Unidas. Neste livro, publicado também nos Estados Unidos em 2018, ela analisa os perigos do fascismo. Para ela, como forma extrema de regime autoritário, ele não é apenas um fenômenos dos anos 1920-40 mas representa hoje a maior ameaça à paz mundial desde a Segunda Guerra Mundial (1939-1945).

Ela analisa alguns países e entre outros aspectos, constata o fortalecimento da extrema direita no contexto do que chama de “decadência da democracia liberal”. Num curso da pós-graduação que ministrou em Georgetown sobre o fascismo diz “Meus alunos observaram como os caciques fascistas que mais recordamos eram carismáticos. Por um método ou outro, cada um estabelecia uma ligação emocional com a massa e, como a figura central de um culto, fazia emergir sentimentos arraigados e muitas vezes repulsivos (…) e assim os tentáculos do fascismo se espalham dentro de uma democracia” e mostra como a mágoa tem um papel importante nesse processo “quanto mais dolorosa for à origem da mágoa, mais fácil é para um líder fascista ganhar seguidores ao oferecer a expectativa de renovação ou prometer restituir-lhe o que perderam”.

Em 2018 a editora Autonomia Literária (SP), reeditou o livro “Como esmagar o fascismo” de Leon Trotsky, publicada no final dos anos 1920.  Como diz Sabrina Fernandes, professora da UnB “É possível que nenhuma outra compilação de textos de Leon Trotsky esteja tão atual e pertinente à conjuntura brasileira quanto o que é apresentado em Como esmagar o fascismo. O Brasil vive um momento delicado que provoca e desafiam aqueles que lutaram contra a ditadura militar e que vivem sob uma democracia, imperfeita como a democracia liberal sempre é, há meros 30 anos”.

Quando Trotsky escreveu, o fascismo já estava estabelecido na Itália (desde 1922), mas publicou suas reflexões antes da ascensão de Hitler ao poder em 1933, analisando os perigos do nazismo e as estratégias para combatê-lo, mas não encontrou ecos entre os partidos de esquerda da Europa naquele momento, com os resultados conhecidos.

Outro livro publicado em 2018 no Brasil é uma coletânea de artigo de Fernando Pessoa. Trata-se do livro “Sobre o fascismo, a ditadura portuguesa de Salazar” (Editora Tinta da China) que reúne textos inéditos dele sobre o fascismo.

Portugal, como se sabe, teve um golpe em 1926 (28 de maio) e instalou uma ditadura militar, depois sucedida pelo regime ditatorial de Antonio de Oliveira Salazar. O que ficou conhecido como “revolução de 1926” pôs fim à Primeira República Portuguesa e depois do golpe, se autodenominando de Ditadura Nacional. Com Salazar, em 1933 foi aprovada uma Constituição (Estado Novo) que se manteve até 25 de abril de 1974, quando o período ditatorial chegou ao fim com a Revolução dos Cravos (Salazar morreu em 1970, mas a ditadura continuou com Marcelo Caetano, até abril de 1974).

Entre 1923 e 1935, quando morreu, Fernando Pessoa assistiu ao triunfo do fascismo em Itália (1922), a instauração de ditaduras militares na Espanha (1923) em Portugal (1926), a tomada do poder pelos nazistas na Alemanha em 1933(“A ascensão da barbárie no coração da Europa”).

Em relação à Ditadura Militar em Portugal, ele critica a República Democrática e fez uma defesa da Ditadura no artigo “Interregno. Defesa e Justificação da Ditadura Militar em Portugal” (1928) que está no livro “Fernando Pessoa, Obras em Prosa”, publicado em 1985 no Brasil pela editora Nova Aguilar, organizado por Cleonice Berardinelli

Em defesa da ditadura ele afirma; “Este opúsculo contém uma justificação completa da Ditadura Militar em Portugal presente. Com isso justificamos a ditadura hoje, em seus fundamentos” (p.616).


quinta-feira, 28 de fevereiro de 2019

NOSSO RECADO PARA HOJE!

ÁGUA & SEMENTES: PATRIMÔNIOS DA HUMANIDADE >> Trairi vai sediar Encontro Regional de Sementes Crioulas

image.pngO Seapac, organizações e famílias agricultoras estão organizando o IV Encontro de Sementes Crioulas do Trairi, a ser realizado nos dias 19 e 20 de março, em Santa Cruz, região Trairi do Rio Grande do Norte. O evento, ainda em fase de organização, deverá reunir cerca de 70 participantes, que debaterão o tema “Água e Sementes – Patrimônios da Humanidade”.
Neste encontro, o Seapac terá um momento especial de comemoração dos 25 anos de existência, junto às comunidades, agricultores, guardiões e guardiãs de sementes crioulas. Desde abril do ano passado, o Seapac abriu um Ano Celebrativo, para marcar seus 25 anos de existência. Na abertura, haverá um pronunciamento do Seapac e de um representante local da Igreja, além de depoimentos de famílias agricultoras e instituições parceiras. Também haverá a exibição do documentário institucional "Semente de Transformação - relato sobre a ação do Seapac no RN", exposição de banners e outros materiais que resgatam esta história.

O Encontro terá uma mesa de debates sobre “Riscos de Contaminação da Biodiversidade”, além de temas correlacionados, como Políticas Públicas de Sementes do Governo, Política de Sementes Crioulas da Asa, bancos de sementes e lei das sementes crioulas. Também haverá trabalho em grupos, no segundo dia, e mesa de debates, com o tema “Partilhando Saberes e refletindo a realidade das Sementes na região do Trairi”.
Fonte: https://www.seapac.org.br/blog/trairi-vai-sediar-encontro-regional-de-sementes-crioulas

EM NATAL >> Semifinal do Prêmio Dosinho de Marchinhas será nesta sexta em Petrópolis

image.png

A terceira edição do Concurso Dosinho terá semifinal nesta sexta-feira (1), no Palco das Marchinhas, em Petrópolis, com 15 músicas selecionadas. Concurso vai oferecer aos vencedores troféus e prêmio no valor total de R$ 10 mil
O concurso homenageia o compositor Claudomiro Batista de Oliveira, o Dosinho, artista norte-rio-grandense que se notabilizou no cenário carnavalesco como importante e criativo autor de marchinhas gravadas por vários intérpretes brasileiros.
O concurso programou a Semifinal 2019 para esta sexta-feira que abre o carnaval (1º de março), com apresentações das 15 marchinhas classificadas, ao vivo, no Palco das Marchinhas montado no Largo do Atheneu (Polo Petrópolis), a partir das 19h30.
A noite terá participação de orquestra e intérpretes, e logo depois acontece o show da Orquestra Maestro Papão e o lendário grupo pernambucano Quinteto Violado, dentro da programação do Carnaval de Natal.
Segundo o idealizador do projeto, o produtor Marcelo Veni, a premiação está focada no estímulo à produção líteromusical das marchinhas carnavalescas. Para quem ainda não ouviu as novas músicas, vale lembrar que as marchinhas classificadas estão na grade musical da Universitária FM, 88,9 desde janeiro até o carnaval.

Premiação

Troféus e 10 mil reais serão oferecidos aos primeiros colocados, entregues posteriormente numa festa de premiação. Também será lançado um CD com as músicas finalistas, gravado ao vivo na ocasião da Semifinal.
A Marchinha do Ano, equivalente ao 1º lugar do concurso, receberá prêmio de R$ 4.000,00; 2º lugar do concurso R$ 2.000,00 e 3º lugar do concurso R$ 1.000,00. O Intérprete de Marchinhas do ano de 2019 receberá premiação única de R$ 3.000,00.

Etapas

As 15 marchinhas foram selecionadas após escolha de curadoria formada por representantes da cadeia da música, do carnaval da cidade e da cultura potiguar. Dessas 15, cinco finalistas sairão da Semifinal, dia 1.º de março.
A Final do concurso acontecerá no dia 15 de março de 2019, no Auditório da AABB/RN (Associação Atlética do Banco do Brasil), quando serão apresentadas ao vivo as cinco finalistas para definição e premiação da Marchinha do Ano – 1º Lugar e do 2º e 3º Lugar; além da premiação de Intérprete de Marchinhas 2019.
Serão avaliados os quesitos de Letra, Harmonia e Melodia, Originalidade do tema abordado, Caracterização e Performances dos Intérpretes, Aceitação popular (notas de 6 a 10).

SERVIÇO

Prêmio Dosinho de Marchinhas Carnavalescas – III Edição
Semifinal
Palco das Marchinhas
Sexta – 1º de março
Largo do Atheneu – Programação oficial do Carnaval de Natal

17h30 Bailinho do Fun Kids (Show de marchinhas para a criançada)
18h30 Xaranga do Riso
19h30 3º Concurso Dosinho de Marchinhas Carnavalescas
Apresentação das 15 marchinhas classificadas – 2019
(Direção Musical de Jubileu Filho)

21h Isaque Galvão – Homenagem a Dosinho
21h30 Orquestra das Marchinhas – Maestro Papão
22h Show Quinteto Violado (PE)
SEQUENCIA DAS APRESENTAÇÕES
SEXTA 1º DE MARÇO – 19h30m
PALCO DAS MARCHINHAS – Polo Petrópolis

1º – É hora de tirar a fantasia – Jôsy Ribeiro (Malu Barbalho/Carlos Ponta Negra)
2º – Vida de Brasileiro – Dodora Cardoso (Luiz Antônio/Selma do Samba)
3º – Viva a Vida – Charles Newton (Charles Newton)
4º – Triste Ressaca – Laryssa Costa (Edmundo de Souza/Evilásio Galdino/Luiz Antônio)
5º – Pink and Blue – Elias do RaioX (Carlos Mafra/Ivo Neto)
6º – Liquidificador – Lysía Condé (Daniel Campos)
7º – De novo a Colombina – Jamilly Mendonça (Antônio Ronaldo /Yrahn Barreto)
8º – Caixa 03 – Artemilsom (Kiko Alves)
9º – Natal, estou careca de saber – Eudes Santos (Eudes Santos)
10º – Rasgando a Fantasia – Edja Alves (Waldir Luzz)
11º – Não é Não! – Analuh Soares (Analuh Soares)
12º – Vítor ou Vitória – Camila Rodrigues (Lupe Albano)
13º – Primeiros Pássaros – Antoanete Madureira (Antônio Ronaldo)
14º – Já é Quarta-Feira – Ivando Monte (Ivando Monte)
15º – Assis é Cis – Yrahn Barreto (Yrahn Barreto)

Premiação

Marchinha do Ano (1º lugar do concurso): R$ 4.000,00
2º lugar do concurso: R$ 2.000,00
3º lugar do concurso: R$ 1.000,00
Intérprete de Marchinhas do ano: R$ 3.000,00.

DEPOIS DA ELEIÇÃO É FÁCIL MOSTRAR ISSO >> Processo contra Haddad é arquivado por falta de provas









O Tribunal de Justiça de São Paulo arquivou a ação penal contra o ex-prefeito Fernando Haddad (PT) por falta de provas. O petista foi acusado por um delator de receber propina da empresa UTC Engenharia e respondia pelos crimes corrupção passiva e lavagem de dinheiro.
O processo havia sido aberto em razão da delação premiada de Ricardo Pessoa, ex-presidente da UTC Engenharia.
O desembargador Vico Mañas, relator do caso, afirmou em seu voto que a denúncia não esclarece qual a vantagem pretendida pelo empreiteiro. Segundo ele, os interesses da UTC foram contrariados pela gestão municipal, que chegou a cancelar um contrato já assinado com a empresa para a construção de um túnel na Avenida Roberto Marinho.
Aliás, essa sempre foi a tese defendida pelo ex-prefeito Fernando Haddad.
O próprio representante do Ministério Público concordou com a defesa e destacou, ainda, que houve falha na descrição do crime e que não haviam elementos para justificar a ação penal.

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2019

GOVERNO DO COISO E A EDUCAÇÃO >> A verdadeira escola sem partido se concretizando...

PREVISÃO >> Chuvas devem retornar ainda mais intensas a partir desta quarta no RN




As chuvas que estão atingindo todo o Rio Grande do Norte neste início de ano e que somaram 44 milímetros somente em Natal no último fim de semana devem retornar ainda mais intensas a partir da próxima quarta-feira, 27, segundo prevê a Empresa de Pesquisa Agropecuária do RN (Emparn).
De acordo com os meteorologistas locais, além da Zona de Convergência Intertropical que vem ocasionando as chuvas atuais, a chegada de um Vórtice Ciclônico a partir do dia 27 deve intensificar o volume de água no estado. As duas situações ocorrendo de maneira conjunta causa justamente o aumento de chuvas.
De modo geral, o mês de fevereiro vem registrando um bom volume de chuvas. Com o acumulado do último fim de semana, já são 63 municípios com chuvas na categoria Normal; 40 na categoria Chuvoso; e 8 na categoria Muito Chuvoso, confirmando a previsão feita pelos meteorologistas, em janeiro, de que fevereiro ia ter volume de chuvas acima da média.
Na última sexta-feira, 22, foi divulgado o resultado da Reunião Climática realizada no Rio Grande do Norte, e a conclusão dos meteorologistas foi de que os meses de março, abril e maio vão ter um volume acumulado de chuvas dentro do normal.
Fonte: Agora RN

DIREITOS HUMANOS >> Mais de 500 mulheres são agredidas por hora no Brasil, revela pesquisa

Resultado de imagem para Mais de 500 mulheres são agredidas por hora no Brasil, revela pesquisa

Levantamento do Fórum Brasileiro de Segurança Pública estima que mais de 16 milhões de mulheres, cerca de 27,35% das brasileiras, sofreram algum tipo de violência durante o ano passado. De acordo com a pesquisa, 536 mulheres são agredidas por hora no país, sendo que 177 sofrem espancamento.

A pesquisa do Instituto Datafolha ouviu 2.084 pessoas em 2018. Mais da metade (52%) das entrevistadas declarou que não procurou ajuda após as agressões; 15% falaram sobre o assunto com a família; 10% fizeram denúncia em delegacias da Mulher; 8% procuraram delegacias comuns; 8% procuraram a igreja e 5% ligaram para o telefone 190 da Polícia Militar.

A violência foi cometida, em 76,4% dos casos, por conhecidos, como cônjuge (23,9%), ex-cônjuge (15,2%), irmãos (4,9%), amigos (6,3%) e pais (7,2%).

Os números indicam que o grupo mais vulnerável está entre os 16 e os 24 anos, pois 66% das mulheres nessa faixa etária sofreram algum tipo de assédio. Na faixa dos 25 aos 34 anos, o índice é de 54% e, dos 35 aos 44 anos, de 33%.

O assédio, que, segundo a pesquisa, atingiu 37% das mulheres, aparece em forma de cantadas ou comentários desrespeitosos ao andar na rua (32%), cantadas ou comentários desrespeitosos no ambiente de trabalho (11,46%) e assédio físico no transporte público (7,78%).

Em casas noturnas, 6,24% das mulheres disseram que foram abordadas de maneira agressiva, com alguém tocando seu corpo;  5,02% foram agarradas ou beijadas à força e 3,34% relataram tentativas de abuso por estarem embriagadas.

BANQUETAÇO PRÓ CONSEA - NATAL RN >> Nesta quarta-feira (27/2) tem BANQUETAÇO.

Nenhuma descrição de foto disponível.
Um grande banquete coletivo em mais de 15 cidades de todo o país. Desta vez o #Banquetaço vai pedir a manutenção do CONSEA (Conselho Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional), extinto pelo atual governo, através da Medida Provisória Nº 870/2019, no primeiro dia do ano.
A iniciativa prevê a distribuição de mais de 15 mil refeições em todo o país, em sua maior parte preparadas com produtos da agricultura familiar e agroecológica.

Local: CECAFES - Central de Com da Agric Fam. e EcoSol (Jaguarari x Mor Gouveia)

Por 
Natália Bonavides em sua página no Facebook

terça-feira, 26 de fevereiro de 2019

MAIS UM ABSURDO PARA A COLEÇÃO >> Ministro da Educação pede que diretores de escolas filmem alunos cantando hino e mandem para o governo

image.png

Em mensagem oficial distribuída a redes de ensino, o ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodríguez, pede que diretores de escolas públicas leiam para alunos e funcionários uma "carta" de volta às aulas que termina com o slogan da campanha do presidente Jair Bolsonaro nas eleições: "Brasil acima de tudo. Deus acima de todos".  

MAIS UMA ENGANAÇÃO >> IR 2019: Governo não atualiza tabela e você vai pagar 3,75% a mais


O contribuinte pagará cerca de 3,75% de Imposto de Renda a mais em 2019 do que desembolsou em 2018, considerando que seu salário tenha sido corrigido apenas pela inflação (medida pelo IPCA) acumulada no ano passado e que suas possibilidades de dedução do imposto, como gastos com educação e saúde, também tenham aumentado na mesma proporção. 

Isso acontece porque o governo não atualizou os principais descontos possíveis (educação, saúde e dependentes) nem corrigiu a tabela de quem deve pagar imposto. "

Bolsonaro chegou a anunciar corte em IR, mas foi engano... 😂😂😂😂