domingo, 5 de junho de 2016

GOVERNO SEM RECONHECIMENTO >> Em Fortaleza, ministro da Saúde é vaiado e tem discurso cancelado sob os gritos de “Fora, Temer”

ministro da saúde
O ministro da Saúde do governo do interino Michel Temer (PMDB), Ricardo Barros (PP), foi recebido na noite desta quarta-feira (1°) em Fortaleza por protestos e confrontos. Ele falaria na abertura do 32º Congresso Nacional de Secretarias Municipais de Saúde, no Centro de Eventos do Estado, mas o discurso teve que ser cancelado, entre gritos de "golpista" e "Fora, Temer".
Integrantes do grupo “Médicos pela Democracia” e outros movimentos tentaram entrar no auditório, mas seguranças montaram um bloqueio. Houve conflito, sem feridos.
Depois, os manifestantes conseguiram acesso ao local, e passaram a vaiar os discursos que mencionavam o ministro da Saúde. Foram centenas de vaias, que viraram milhares, inclusive de secretários municipais de saúde, conforme noticiou o portal Viomundo.
O ministro também participou de uma reunião com integrantes do Conselho Nacional de Saúde, órgão deliberativo do SUS, ocasião em que também teria sofrido críticas. Alguns membros do Conselho, disse o jornal cearense, o chamaram de "golpista".
O 32º Congresso Nacional de Secretarias Municipais de Saúde, realizado até este sábado (4) pelo Conselho Nacional de Secretaria Municipais de Saúde (Conasems), reúne cerca de quatro mil gestores municipais de saúde de todo o Brasil. O objetivo é promover o encontro de ideias, troca de conhecimentos e proposições em favor do SUS.
Barros deu declarações sobre o que viria a ser um redimensionamento do SUS, mas voltou atrás, e agora destaca que estaria pedindo ao Ministério da Fazenda de Temer para que a "saúde seja preservada". "Vamos aguardar a decisão da equipe econômica.”
Os diretores do Denasus (Departamento Nacional de Auditoria do SUS/Ministério da Saúde) e os seus chefes nos estados elaboraram a Carta de Fortaleza dos auditores em defesa do SUS.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

OBRIGADO POR ESTÁ AQUI. NESSE BLOG, BUSCAMOS PUBLICAR COMENTÁRIOS DEVIDAMENTE IDENTIFICADOS.