quarta-feira, 23 de novembro de 2016

MEIO AMBIENTE E SOCIEDADE >> Saiba quais são as 15 cidades mais poluídas do Brasil


Caracterizada por alterações indesejadas nas características físicas, químicas e biológicas de determinado ambiente, a poluição é responsável por provocar um efeito negativo no equilíbrio dos ecossistemas, causando danos à saúde humana e a todos os seres vivos que habitam o local.
Em geral, a poluição é um efeito resultante da introdução de substâncias estranhas ao ecossistema. Esses poluentes podem ser de natureza química, genética ou energética (luz, calor ou radiação) e até mesmo materiais que não são diretamente prejudiciais podem ser considerados poluidores.
Por conta da elevada concentração de pessoas, veículos e indústrias, as grandes cidades tendem a gerar uma maior quantidade de poluentes. Cidades como Pequim, na China, e Nova Déli (Índia) são mundialmente conhecidas por seu elevado índice de poluição. O Brasil não está longe desse problema, e muitas cidades por aqui apresentam preocupantes níveis de agentes poluentes.

As cidades mais poluídas do Brasil

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), a quantidade de poluentes considerada aceitável para um metro cúbico de ar é de, no máximo, 20 microgramas. Ainda de acordo com a entidade, a cidade mais poluída do Brasil é o Rio de Janeiro, com 64 microgramas de poluentes por metro cúbico de ar.
A capital carioca ficou na 144ª posição em uma lista com mais de 1100 cidades em todo o mundo. No ranking de comparação entre os países mais poluentes do mundo, o Brasil está na 44ª posição. Veja a seguir quis são as outras cidades apontadas como as mais poluídas do Brasil:
  • Rio de Janeiro — RJ (Região Metropolitana): 64 microgramas de poluentes por metro cúbico;
  • Cubatão — SP: 48 microgramas de poluentes por metro cúbico;
  • Campinas — SP: 39 microgramas de poluentes por metro cúbico;
  • São Paulo — SP (Região Metropolitana): 38 microgramas de poluentes por metro cúbico;
  • Curitiba — PR (Região Metropolitana): 29 microgramas de poluentes por metro cúbico;
  • Sorocaba — SP: 28 microgramas de poluentes por metro cúbico;
  • São José do Rio Preto – SP: 28 microgramas de poluentes por metro cúbico;
  • Volta Redonda — RJ: 28 microgramas de poluentes por metro cúbico;
  • Araraquara — SP: 27 microgramas de poluentes por metro cúbico;
  • Araçatuba — SP: 26 microgramas de poluentes por metro cúbico;
  • Betim — MG: 22 microgramas de poluentes por metro cúbico;
  • São José dos Campos — SP: 21 microgramas de poluentes por metro cúbico;
  • Marília — SP: 21 microgramas de poluentes por metro cúbico;
  • Belo Horizonte — MG: com 20 microgramas de poluentes por metro cúbico;

Nenhum comentário:

Postar um comentário

OBRIGADO POR ESTÁ AQUI. NESSE BLOG, BUSCAMOS PUBLICAR COMENTÁRIOS DEVIDAMENTE IDENTIFICADOS.