terça-feira, 20 de dezembro de 2016

UM CUIDADO QUE DEVEMOS TER >> Caern alerta que mau uso da rede de esgotos provoca obstrução no serviço

Exibindo image.png

Uma única garrafa pet pode prejudicar boa parte da população. E não é só na obstrução da rede de esgoto que causa transbordamento em um local específico. Um simples vasilhame de plástico pode parar uma Estação Elevatória de Esgoto e prejudicar toda uma região da cidade. Da próxima vez que for jogar lixo na rua atente que um simples objeto irá se somar a outros tantos que vão impactar um sistema que foi desenvolvido para receber apenas efluentes (água que sai de pias, sanitários e chuveiros).
O lixo jogado na tubulação de esgoto é responsável por cerca de 85% do trabalho da equipe da Unidade de Operação e Manutenção de Esgoto da Regional Oeste (UNEO). As atividades da equipe são desobstrução da rede de esgoto seja convencional ou condominial, substituição de tampas em caixas de esgoto e poços de visita (local de manutenção da rede), desobstrução em poços de visita, conserto de tubulação de esgoto em área pública. Há também desligamento da ligação de esgoto, consertos, manutenção de lagoas de estabilização, trabalho nas Estações Elevatórias de Esgoto. Atualmente, a equipe da UNEO atende todos os serviços no prazo de 24 horas. Esforço em conjunto feito para prestar um serviço ainda melhor a população. Mas a população também deve contribuir.
Imagem inline 2
De acordo com o chefe da UNEO, Francisco Bernardino, a consciência da população é fundamental para que o sistema opere bem. Infelizmente, a rotina da equipe é ocupada por desobstrução causada por lixo jogado na rua ou depositado dentro das redes de esgoto. No período de estiagem, o entulho como restos de buchas de limpeza, garrafas pet, sacolas plásticas, entre outros, são retirados com frequência da tubulação pela equipe. No período de chuva, os transbordamentos de água servida no meio da rua são frequentes porque as pessoas fazem ligações irregulares da água da chuva para a rede de esgoto.
Além disto, é preciso fazer limpeza constante nas grades das Estações Elevatórias de Esgoto. Estas grades existem justamente para não permitir a passagem de sólidos na Estação. A realidade, entretanto, é uma grande quantidade de lixo que fica preso às grades e que demandam tempo dos operadores para limpeza. As Estações Elevatórias de Esgoto existem para bombear o esgoto até chegar a Estação de Tratamento de Esgotos aonde o efluente será tratado.  Em Mossoró, são sete Estações Elevatórias. Não é comum, mas é possível, que uma garrafa pet, por exemplo, jogada na tubulação possa paralisar uma Estação Elevatória dependendo do local em que ela se alojar no equipamento de bombeamento.
Para executar o trabalho na segunda maior cidade do Estado, a Unidade de Esgoto possui cinco veículos, sendo quatro pesados e um médio, especialmente equipados para atender as demandas da rede de esgoto. Eles conseguem através da sucção retirar material. Em determinados momento, o hidrojato é usado para jogar água e empurrar as obstruções. Durante o trabalho em campo a equipe decide a necessidade de uso dependendo de cada situação encontrada na rua. Um total de 17 (pessoas na desobstrução) 19 (pessoas elevatórias) e 5 (pessoas no administrativo) trabalham na Unidade para atender a população. Portanto, da próxima vez que quiser jogar lixo na rua ou empurrar entulho para a rede de esgoto, lembre-se que seu gesto poderá prejudicar não só você, como muitas pessoas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

OBRIGADO POR ESTÁ AQUI. NESSE BLOG, BUSCAMOS PUBLICAR COMENTÁRIOS DEVIDAMENTE IDENTIFICADOS.